11

Propósitos de Deus

-Tema: VIDA COM PROPÓSITOS
Êxodo 14.14-16
-Introdução: Deus tem bênçãos para nos dar, mas também tem um propósito abençoado para nossas vidas que são “pensamentos de paz e não de mal para vos dar o fim que desejais” (Jeremias 29.11). Contudo, este propósito só pode acontecer quando “buscar-me-eis e me achareis quando me buscardes de todo o coração” (Jeremias 29.13).  Muitas vezes não entendemos o propósito de Deus para nós e ficamos lutando em vão até que então aprendemos que “invoca-me e te responderei e anunciar-te-ei coisas grandes e ocultas que não sabes” (Jeremias 33.3) que é propósito de Deus revelado a nós.

-->
O povo de Israel teve muita dificuldade em entender e aceitar o propósito de Deus para suas vidas. Viviam reclamando. A murmuração é o louvor a Satanás. Ele tem prazer em ver o crente reclamando por que isso significa que não entendeu o propósito de Deus para sua vida e o inimigo tem legalidade para atrasar suas bênçãos. Por isso o Senhor disse ao povo que pelejaria por eles e se calariam (v.14). Quando não souber ou não entender o propósito de Deus para sua vida na situação que está vivendo, lembre-se que “bom é aguardar a salvação do Senhor, e isso em silêncio” (Lamentações 3.26).
Quando entendemos e aceitamos o propósito de Deus para nós, não apenas recebemos bênçãos do Senhor como passamos a viver uma vida abençoada mesmo diante das dificuldades por que sabemos que as promessas do Senhor não falharão.
Qual o seu propósito aqui hoje?
Vamos aprender com a caminhada de Moisés e o povo de Israel e ver como aprender, entender e aceitar o propósito de Deus em nossas vidas:
1- Aprendendo o Propósito de Deus:
Desde o seu nascimento, Deus teve um propósito especial para a vida de Moisés. Foi tirado das águas e livrado dos soldados para salvar o seu povo. Mas para aprender que Deus tinha um propósito para sua vida, Moisés precisou passar por duas escolas: a Escola do Palácio e a Escola do Deserto.
-A Escola do Palácio: durante os primeiros 40 anos de sua vida, embora não soubesse disso, Moisés foi preparado como um príncipe para governar um povo. Recebeu educação, aprendeu a conversar e se comportar como líder. Estudou com os melhores mestres e aprendeu a escrita para que depois de muito tempo o Senhor o ordenar escrever a sua Palavra. Se ele fosse criado com seus pais, não teria estas oportunidades.
Nós também passamos pela Escola do Palácio quando somos livrados por Deus, quando temos oportunidades de aprender e recebemos prosperidade. Se estiver tudo bem com você, saiba que está nesta escola e aprenda o máximo possível para Deus te usar depois. Como fez também José do Egito no tempo das vacas gordas reservando para o tempo das vacas magras.
-A Escola do Deserto: depois que Moisés começou a amar o povo hebreu e defendeu um escravo matando um egípcio, ele teve que fugir para o deserto de Midiã onde passou mais 40 anos de sua vida. Ali no deserto ele saiu da zona de conforto. Aprendeu a suportar o calor e o frio do deserto. Teve que se acostumar com os alimentos e aproveitar a água escassa. Aprendeu a cuidar do rebanho para depois guiar as ovelhas de Deus. Isso tudo era propósito de Deus para sua vida. No deserto constituiu família e teve uma vida feliz. Deus o estava treinando para viver no deserto e guiar seu povo a Canaã.
Também passamos pela Escola do Deserto quando somos provados por Deus. Sair da zona de conforto é necessário para aprender a viver e valorizar o que Deus nos dá.
Em que escola você está passando agora?
Deus está preparando você para um propósito especial!
2- Entendendo o Propósito de Deus:
Passar pela escola do palácio ou deserto é inevitável, mas entender é uma opção. Com mais de 80 anos de idade Moisés recebe o chamado de Deus na sarça ardente (Êxodo 3.1-14). Foi neste momento que ele entendeu o propósito de Deus para sua vida. Ele relutou com Deus dizendo que não sabia falar, mas Deus lhe dá sinais curando sua mão e transformando uma vara em serpente (Êxodo 4.1-17).
Moisés voltou ao palácio com Arão para anunciar as 10 pragas. Em todo o tempo Deus livrou o seu povo porque tinha um propósito para eles. Faraó teve oportunidades de entender, mas não quis.
O povo de Israel, que era pobre e escravo, em uma única noite se tornou dono de todo o rebanho do Egito (Êxodo 9.1-7), em uma noite as casas e palácios egípcios foram destruídas por uma chuva de pedras (Êxodo 9.13-28) e as casas dos hebreus foram preservadas e em outra noite se tornaram donos de todo alimento da terra por que as plantações dos egípcios foram destruídas pelos gafanhotos (Êxodo 10.1-20) e ao saírem levaram os tesouros deles de maneira que foram embora enriquecidos (Êxodo 12.35,36).
Não há como fugir do propósito de Deus e ser feliz. Entretanto quando entendemos a vontade do Senhor, Ele realiza maravilhas em nossas vidas e nos livra de todo o mal. Vivendo um propósito de Deus somos conduzidos a palácios e Deus não deixa faltar nada em nossas vidas. Deus usa coisas simples como a sarça e poderosas como o fogo para nos mostrar seu maravilhoso propósito.
Você está entendendo o propósito de Deus para sua vida?
Deixe Deus falar com você e te mostrar sua Vontade!
3- Aceitando o Propósito de Deus:
Depois que Moisés entendeu o propósito de Deus para ele, deixou de ser um homem fraco e irado para viver plenamente a vontade de Deus. Ele enfrentou tudo, voltou para o Egito e conduziu o povo para Canaã.  Se não tivesse compreendido e aceitado, não teria condições de suportar tudo o que enfrentou.
Como aceitar o propósito de Deus? Com ORAÇÃO e ATITUDE de fé!
Era isso que Moisés fez em cada situação. Primeiro orava ao Senhor contando o que acontecia e depois agia com autoridade dada por Deus. Veja:
-em perigos ao ser perseguidos por faraó diante do mar: Moisés orou ao Senhor e Deus colocou uma coluna de fogo de dia e de nuvem à noite para guiar o seu povo e os separar dos egípcios. Moisés estendeu a mão e o mar abriu e o povo passou. Depois estendeu a mão e o mar se fechou para livrar o povo e mostrar que o caminho que Deus tem em seus propósitos não tem volta, pois retroceder é a perdição (Êxodo 14.15-25).
-as águas amargas de Mara: depois de cantar e se alegrar do outro lado do mar, foram beber água, esta era amarga. Mas Moisés orou ao Senhor e Deus lhe mostrou uma árvore que lançou na água e esta ficou sã. O segredo aqui não é a árvore que curou a água e sim a atitude de obediência à Palavra de Deus. Depois disso foram para Elim onde Deus lhes deu um oásis com setenta palmeiras e doze fontes, uma para cada tribo (Êxodo 15.22-27).
-em momentos de fome: no deserto de Sim, quando iam caminhando, os alimentos que trouxeram do Egito acabou e o povo murmurou. Moisés orou novamente e Deus mandou o maná fazendo chover pão do céu para alimentar o povo (Êxodo 16.1-10).
-diante da gula do povo: eles se enjoaram do maná chamando-o de “pão vil” e queriam comer carne, mas seu rebanho ia acabando no deserto e não tinham carne para todos. Por isso murmuravam mais ainda. Moisés orou de novo a Deus e o Senhor enviou as codornizes (Êxodo 16.11-21).
-diante da sede do povo: passou um tempo mais e o povo chegou a um lugar chamado Refidim onde sentiram sede por não haver água para beber e o povo murmurou novamente contra Moisés. Ele orou a Deus e o Senhor mandou que tocasse na rocha que jorrou água para todos beberem (Êxodo 17.1-7).
-diante dos inimigos: começaram a surgir os povos ao redor querendo impedir o povo de chegar à Canaã. Os amalequitas atacaram o povo de Israel e Moisés entendendo o propósito de Deus já foi orar no monte profetizando a vitória de mãos erguidas sobre o povo de Deus.
Mesmo com tudo isso, o povo não entendeu. Achavam ótimo ser livrados das pragas, ter prosperidade, comer pão do céu, água no deserto e passar pelo meio do mar, contudo não acreditaram. Rejeitaram o propósito de Deus para suas vidas e sentiam saudades dos “pepinos, alhos e cebolas do Egito” (Números 11.5).
-->
Deus tem um propósito para você!
-CONCLUSÃO: Não podemos ser como o povo de Deus no deserto murmurando de tudo o que acontece. , mas como Moisés, devemos aprender a ter uma vida de oração antes de tudo o que acontecer e também agir com fé sob a orientação do Senhor.
Tudo o que Deus faz é para mostrar seu propósito. Quando Deus tem um propósito para alguém, Ele guia à frente e atrás, abre o mar, livra dos perigos, faz chover pão do céu e brotar água da rocha.
Você já aprendeu, entendeu e aceitou o propósito de Deus para você?
Ore e tome atitudes de fé para viver o propósito de Deus!
COMPARTILHE esta Pregação:

11 COMENTE!

muitissimo bom! sou vice presidente na minha igreja preciso muito aprender a pregar por isso achei asse site maravilhoso, os esboços são muito bem explicado com muitas bases biblicas em fim e muito bom. Parabéns.

Respostas

Muito bom.. que Deus continue derramando bençãos sobre sua vida!..

Respostas

MUITO BOM EU QUERO DAR UMA SUGESTÃO,PARA O PASTOR FAZER MENSAGENS COM O TEMA DA ESCOLA BIBLICA DOMINICAL BETEL OS PROFESSORES IRÃO AGRADECER MUITO

Respostas

sou monitor de um centro de reabilitação evangelico,e fiquei impactado com esses estudos...Deus abençoe sempre

Respostas

Só me resta dizer, GLORIAS A DEUS! ALELUIA!!

Respostas

estou mergulhado no oásis de alegria ao encontrar este blog, pois sou homem que busca a palavra de Deus e quero me tornar o pregador, ou seja um mensageiro de cristo aqui na terra, fiquei maravilhado com suas pregações,penso que o que falta é isso pra humanidade pessoas com esse próposito de levar o evangelho de cristo a todos os lugares se preocupar com retorno financeiro.Que Jesus o abençoe sempre sua vida, o senhor compreendeu verdadeiramente a parábola dos talentos. muita unção de Deus em sua vida.

Respostas

Espero entender qual o propósito que Deus tem para minha vida, não quero falhar!

Respostas

GOSTEI MUITO QUE DEUS CONTINUI TE ABENSÇOANDO

Respostas

Obrigado pelas explicações simples de endender, com grande profundidade para minha vida.

Respostas

Postar um comentário

Deixe um comentário sobre o que achou desta pregação.
IDENTIFIQUE-SE por favor., colocando seu nome no comentário.
Muito obrigado por participar!