Encontrando sabedoria com o tempo

COMPARTILHE:

Sem comentários

-Tema: VIDA CRISTà
“Ensina-nos a contar os nossos dias, para que alcancemos coração sábio” Salmos 90.12
-Introdução: A cada ano que passa, cada mês, semana ou dia, precisamos buscar sabedoria em Deus. A sabedoria deve ser procurada intencionalmente, pois não é encontrada por acaso, nem por qualquer um, mas por quem busca em Deus (Tiago 1.5). Uma das formas que Deus preparou para nos ensinar sabedoria é o tempo, que para quem o entende, sabe que existe para nos fazer sábios (Eclesiastes 3.1-8).
Salmo 90, atribuído a Moisés, é uma oração de confiança em Deus. Podemos dizer que o texto é um resumo do que Moisés aprendeu com a vida junto com Deus. São palavras de sabedoria, que demonstram uma vida dedicada a Deus, por alguém que buscava a sabedoria vinda do alto (Tiago 3.15-17). Provavelmente o autor já teria certa experiência de vida quando escreveu esta oração.

Você entende o tempo?

Vamos meditar sobre como o tempo nos ensina a ser mais sábios através das palavras do Salmo 90:

1- Sabedoria sobre dias passados: v.1-10

A sabedoria nos ensina que hoje eu preciso ser melhor do que ontem e amanhã estar melhor do que hoje. Ou seja, o passado só pode nos ajudar com as lembranças que podem nos dar esperança para o futuro (Lamentações 3.21). O que não for bom, Deus nos ajuda a superar pois Deus faz tudo novo em nossas vidas (II Coríntios 5.17).
O texto do Salmo 90 traz algumas revelações sobre o passado:
a) Passado da Família: v.1 “Senhor, tu tens sido o nosso refúgio, de geração em geração”. Deus é o refúgio da família em todas as gerações.
b) Eternidade de Deus: v.2 “Antes que os montes nascessem e se formassem a terra e o mundo, de eternidade a eternidade, tu és Deus”. Deus sempre existiu e sabe de todas as coisas da história.
c) Não somos nada diante de Deus: v. 3 “Tu reduzes o homem ao pó e dizes: Tornai, filhos dos homens”. Deus é o Dono da vida, pois nos formou do pó e também pode nos restaurar como vasos em suas mãos (Jeremias 18.1-8).
d) O tempo é relativo: v.4 “Pois mil anos, aos teus olhos, são como o dia de ontem que se foi e como a vigília da noite”. Deus é Eterno e está acima do tempo humano, sabe tudo o que aconteceu e o que pode acontecer, então devemos depender de Deus em tudo. O tempo de Deus não é o tempo do homem.
e) Tudo é passageiro: v.5,6 “Tu os arrastas na torrente, são como um sono, como a relva que floresce de madrugada; de madrugada, viceja e floresce; à tarde, murcha e seca”. Enquanto estamos numa luta, parece que nunca vai terminar, mas um dia passa, basta esperar.
f) Não merecemos nada: v.7,8 “Pois somos consumidos pela tua ira e pelo teu furor, conturbados. Diante de ti puseste as nossas iniquidades e, sob a luz do teu rosto, os nossos pecados ocultos”. Pois somos pecadores e nos separamos da Glória de Deus (Romanos 3.23), então tudo de bom que nos vier é lucro.
g) A vida é muito curta: v.9,10 “Pois todos os nossos dias se passam na tua ira; acabam-se os nossos anos como um breve pensamento. Os dias da nossa vida sobem a setenta anos ou, em havendo vigor, a oitenta; neste caso, o melhor deles é canseira e enfado, porque tudo passa rapidamente, e nós voamos”. Por isso devemos viver intensamente o melhor a cada segundo e nunca perder tempo.

Podemos aprender a sabedoria com o passado, quando nos arrependemos de nossos erros para não os cometer novamente. Também aprendemos a ser sábios olhando para o passado
Aprenda a sabedoria com o seu passado!

2- Sabedoria para os dias atuais: v.11-15

O dia de hoje é um presente de Deus para nós (II Coríntios 6.2). Devemos viver na expectativa de que agora temos uma oportunidade de experimentar bênçãos do Senhor e não perder tempo (Efésios 5.16). Cada situação pode revelar uma chance de conquistar os sonhos, “porém tudo depende do tempo e do acaso” (Eclesiastes 9.11).
As palavras de Moisés no Salmo 90, mostram como buscar sabedoria no tempo presente em que vivemos:
a) Deus vê todas as coisas: v.11 “Quem conhece o poder da tua ira? E a tua cólera, segundo o temor que te é devido?”. Devemos viver cada momento sabendo que Deus está sabendo de tudo, por isso é importante vigiar e orar (Marcos 14.38).
b) Contar os dias: v.12 “Ensina-nos a contar os nossos dias, para que alcancemos coração sábio”. Você pode contar os dias que já passaram e os que faltam para algo que você espera acontecer. Isso te traz sabedoria, pois você aprende a viver melhor.
c) Orar todos os dias: v.13 “Volta-te, SENHOR! Até quando? Tem compaixão dos teus servos”. O salmista clama por socorro, mostrando que todos os dias devemos orar “sem cessar” (I Tessalonicenses 5.17) e achar um tempo para estar a sós com Deus (Mateus 6.6).
d) Cada manhã é nova: v.14 “Sacia-nos de manhã com a tua benignidade, para que cantemos de júbilo e nos alegremos todos os nossos dias”. As misericórdias do Senhor se renovam sobre nós a cada manhã (Lamentações 3.22,23).
e) Hoje é tempo de alegria: v.15 “alegra-nos por tantos dias quantos nos tens afligido, por tantos anos quantos suportamos a adversidade”. Não perca um minuto seque com coisas que te magoam, trazem tristeza ou desprazer. Invista tempo em coisas que te fazem alegre.

O hoje é tempo de buscar sabedoria em Deus. Esteja atento a tudo o que acontece agora e perceba a ação do Senhor em sua vida, sabendo que suas decisões são importantes e cada instante não volta mais.
Hoje é tempo de aprender sabedoria em Deus!

3- Sabedoria para os dias futuros: v.16,17

O futuro é incerto, mas Deus é o Dono do tempo, sendo o único que pode nos garantir por suas promessas que seremos abençoados (Isaías 44.7).
O salmista também mostra como tratava seu futuro com Deus:
a) Buscar a presença de Deus: v.16 “Aos teus servos apareçam as tuas obras, e a seus filhos, a tua glória”. Somente Deus pode fazer ‘aparecer’ as suas obras e a glória, pois o futuro pertence ao Senhor.
b) Entregar nas mãos de Deus: v.17 “Seja sobre nós a graça do Senhor, nosso Deus; confirma sobre nós as obras das nossas mãos, sim, confirma a obra das nossas mãos”. Quando entregamos nosso futuro nas mãos do Senhor, tudo dá certo (Salmos 55.22). As obras das nossas mãos só podem ser confirmadas pela bênção Divina, senão o que fazemos com as mãos pode ser desfeitas, mas se Deus confirmar, tudo permanece para o futuro.

Aprendemos sabedoria com o futuro quando nos tornamos dependentes de Deus em tudo esperando no Senhor (Salmos 62.1-5). A única forma de garantir o nosso futuro é buscar a presença do Senhor que é Eterno e imortal (I Timóteo 6.16). Somente o Deus que é Infinito pode saber o futuro e nos abençoar. Por isso devemos buscar a presença de Deus e entregar tudo nas mãos do Senhor, sabendo que “o mais Ele fará” (Salmo 37.4).
Busque sabedoria para o futuro!

O tempo está nas mãos de Deus!

-CONCLUSÃO:
A cada tempo que passamos, um novo ano, uma mudança ou alguma situação que nos ensina que precisamos nos renovar, estamos aprendendo a sabedoria do tempo.
O Salmo 90 é uma oração por sabedoria para todos os tempos da vida, quanto ao passado, o presente e o futuro. Interessante, que logo após vem o Salmo 91 que é uma oração de proteção. Então, antes de buscarmos a proteção Divina, devemos aprender a sabedoria com o tempo.

O tempo está nas mãos de Deus!

______________________________
Citações Bíblicas: Bíblia Revista e Atualizada, Sociedade Bíblica do Brasil.

Pr. Welfany Nolasco Rodrigues Publicado por Pr. Welfany Nolasco Rodrigues

Pastor Metodista e pregador do evangelho. Escritor de esboços e sermões. Formação: Bacharel em Teologia pela UMESP.
Siga Google+.

0 COMENTE!:

Deixe um comentário sobre o que achou desta pregação.
IDENTIFIQUE-SE por favor., colocando seu nome no comentário.
Muito obrigado por participar!

Quem sou eu

Minha foto

Tenho prazer em meditar na Palavra de Deus.
Escrevo textos e reflexões sobre as Escrituras.
Direitos autorais protegidos:
Protected by Copyscape Online Plagiarism Detector

Seguidores

Pregações por email

Livro

Livro
E-books do Pr. Welfany Nolasco
Powered by Blogger.