O poder do nome de Jesus

“E não há salvação em nenhum outro; porque abaixo do céu não existe nenhum outro nome, dado entre os homens, pelo qual importa que sejamos salvos Atos 4.12
-Introdução: Antes de Jesus nascer, um anjo falou a José (Mateus 1.21) e também a Maria (Lucas 1.31) para colocar na criança o nome Jesus, o que fizeram quando foi circuncidado (Lucas 2.21).
O nome Jesus (Ἰησοῦς) é a forma grega de expressar o nome Josué (Yehoshua = יְשׁוּעַ) que significa o Senhor salva ou " Yahweh é salvação"1. Para os judeus o nome de Deus tem grande valor e deve ser respeitado ao ponto de temerem pronunciá-lo (Êxodo 20.7).
O propósito do nome de Jesus é declarar o poder de Deus revelado à humanidade na pessoa de Cristo. Ao contrário do nome de Deus, que os judeus nem pronunciavam, Jesus manda que seu nome seja falado  para que suas obras se realizem.

Como se referir ao nome de Jesus?

Vamos estudar em que situações devemos falar o nome de Jesus:


1- Anunciar a Salvação:

Se o significado do nome de Jesus é ‘Deus é Salvação”, então o primeiro objetivo de falarmos seu nome deve ser para evangelizar (Lucas 24.47). O nome de Jesus foi divulgado no seu tempo para mostrar as boas novas do evangelho (Marcos 6.14), em lugares longínquos (Atos 19.17).
Duas formas de Anunciar a Salvação em nome de Jesus são:
a) CRER: I João 3.23 “Ora, o seu mandamento é este: que creiamos em o nome de seu Filho, Jesus Cristo, e nos amemos uns aos outros, segundo o mandamento que nos ordenou”. Antes de tudo precisamos crer no nome de Jesus nos tornando assim filhos de Deus (João 1.12), para então anunciar o seu nome (Romanos 10.13-15). Quando cremos no nome de Jesus, logo nos tornamos testemunhas de seu poder e somos capacitados a anunciar a salvação que vem de Cristo (Marcos 16.16).
b) PREGAR: Atos 9.15 “Mas o Senhor lhe disse: Vai, porque este é para mim um instrumento escolhido para levar o meu nome perante os gentios e reis, bem como perante os filhos de Israel”. Jesus nos mandou pregar sua Palavra Paulo pregava em nome de Jesus (Atos 9.27). Pelo nome de Jesus podemos deixar tudo para seguir seu chamado missionário (Mateus 19.29).
Ao falar em nome de Jesus precisamos primeiro crer no poder deste nome e saber que estamos pregando o seu evangelho e anunciando a salvação para que outros ouçam e creiam também (Romanos 10.17).
Você tem falado o nome de Jesus para anunciar a salvação?
Creia e pregue em nome de Jesus!

2- Declarar Bênçãos:

O nome de Jesus tem poder de realizar maravilhas. Quando receber a autoridade dada por Cristo para ministrar em seu nome (Mateus 10.1).
Duas formas de Declarar Bênçãos em nome de Jesus são:
a) CURA: Atos 3.6 “Pedro, porém, lhe disse: Não possuo nem prata nem ouro, mas o que tenho, isso te dou: em nome de Jesus Cristo, o Nazareno, anda!”. Os discípulos aprenderam com Jesus sobre o poder da cura, por isso declaravam a cura não em seu nome, mas no nome de Jesus, pois Ele quem opera milagres (Atos 3.16). O nome de Jesus tem poder para realizar curas (Atos 4.10). Devemos orar pedindo a Deus o poder que vem do nome de Jesus para realizar maravilhas (Atos 4.30).
b) LIBERTAÇÃO: Atos 16.18 “Isto se repetia por muitos dias. Então, Paulo, já indignado, voltando-se, disse ao espírito: Em nome de Jesus Cristo, eu te mando: retira-te dela. E ele, na mesma hora, saiu”. Jesus prometeu que aqueles que creem em seu nome teriam poder para repreender todo mal (Marcos 16.17). Mas para ter esta autoridade no nome de Jesus é preciso ter vida de intimidade com Cristo (Atos 19.13-15). Quando chamamos o nome de Jesus o diabo é resistido pelo seu poder (Tiago 4.7).
O nome de Jesus é uma arma poderosa na obra de Deus para declarar bênçãos às vidas das pessoas que precisam de cura e libertação.
Você tem declarado bênçãos em nome de Jesus?
Profetize cura e libertação em nome de Jesus!

3- Orar segundo a vontade de Cristo:

O nome de Jesus é invocado por todos os que creem Nele (I Coríntios 1.2). O próprio Jesus prometeu que estaria presente sempre que seu nome fosse invocado (Mateus 18.19). Por isso, quando nos reunimos, o fazemos em nome de Jesus (I Coríntios 5.4). Jesus mandou que em nossas orações pedíssemos em seu nome (João 14.13,14; 15.26 e 16.23, 26) e fazemos isso com fé de que esta é a sua vontade (I João 5.13-15).
Duas formas de Orar em nome de Jesus são:
a) AGRADECER: Efésios 5.20 “dando sempre graças por tudo a nosso Deus e Pai, em nome de nosso Senhor Jesus Cristo”. A gratidão nos faz reconhecer que tudo vem de Deus “a fim de que o nome de nosso Senhor Jesus seja glorificado em vós, e vós, nele, segundo a graça do nosso Deus e do Senhor Jesus Cristo” (II Tessalonicenses 1.12). Antes de tudo e por tudo devemos agradecer a Deus (I Tessalonicenses 5.18). Agradecer em nome de Jesus significa honrar a Cristo por tudo o que faz em nossas vidas.
b) CONFESSAR: Filipenses 2.10,11 “para que ao nome de Jesus se dobre todo joelho, nos céus, na terra e debaixo da terra, e toda língua confesse que Jesus Cristo é o Senhor para a glória de Deus Pai”. Precisamos confessar que Jesus Cristo é o Senhor de nossas vidas para receber a salvação pela fé (Romanos 10.9,10). Isto é reconhecer o Senhorio de Cristo sobre nosso viver (Lucas 2.11). Mas também devemos confessar nossos pecados pedindo perdão em nome de Jesus, sabendo que nos perdoa (I João 1.7-9).
Sempre oramos pedindo como Jesus ensinou (Mateus 7.7-11), mas também precisamos orar agradecendo a Deus neste nome, além de confessar os pecados pedindo perdão em nome de Jesus, que morreu para nos perdoar.
Você tem orado em nome de Jesus?
Ore agradecendo e confessando em nome de Jesus!

4- Cumprir ordens de Deus:

Fazer algo em nome de uma pessoa significa estar de acordo com sua ordem. Em vários momentos Paulo faz pedidos às igrejas dizendo para obedecerem em nome de Jesus (I Coríntios 1.10; II Tessalonicenses 3.6 e Filemon 1.9). Jesus ensinou que desde um copo de água (Marco 9.41) até um abraço em uma criança devemos dar em seu nome (Lucas 9.48). Tudo o que fazemos deve ser em obediência ao nome de Jesus.
Duas ordens que recebemos para fazer em nome de Jesus são:
a) BATISMO: Atos 2.38 “Respondeu-lhes Pedro: Arrependei-vos, e cada um de vós seja batizado em nome de Jesus Cristo para remissão dos vossos pecados, e recebereis o dom do Espírito Santo”. Batizar em nome de Jesus significa, cumprir sua ordem (Atos 8.12, 16; 10.48 e 19.5), não implica em uma nova fórmula do ritual do batismo ensinada por Jesus que deve ser “batizando-os em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo” (Mateus 28.19). O batismo marca o início da vida cristã e por isso é uma ordem importante, pois devemos nos preocupar em começar a seguir a Jesus e então passar a conduzir outras pessoas a esta nova vida através do batismo. Depois de ser batizado é um privilégio conduzir outras vidas ao batismo.
c) SANTIFICAÇÃO: I Coríntios 6.11 “Tais fostes alguns de vós; mas vós vos lavastes, mas fostes santificados, mas fostes justificados em o nome do Senhor Jesus Cristo e no Espírito do nosso Deus”. A busca da santidade deve ser constante na vida cristã (Filipenses 3.13-15). Um processo que se inicia no novo nascimento, quando recebemos a Jesus e continua através da conversão a cada dia (II Coríntios 5.17). Quando vivemos em obediência a Cristo, sua virtude nos transforma (Romanos 6.22). Até mesmo o falar do cristão e suas atitudes devem ser em conformidade com a vontade de Deus através do nome de Jesus (I Coríntios 1.10). Santificar-se significa obedecer a vontade de Deus e negar as vontades da carne (Romanos 8.13).
Obedecer às ordens em nome de Jesus significa sujeitar-se à autoridade de Cristo. O batismo representa a porta de entrada e a santificação a continuação da caminhada em direção a Deus.
Você tem obedecido às ordens de Deus?
Seja batizado ou leve outros ao batismo e busque a santidade em nome de Jesus!

O nome de Jesus tem poder!

-CONCLUSÃO:
Colossenses 3.17 “E tudo o que fizerdes, seja em palavra, seja em ação, fazei-o em nome do Senhor Jesus, dando por ele graças a Deus Pai”
Os primeiros cristãos eram pessoas “que têm exposto a vida pelo nome de nosso Senhor Jesus Cristo” (Atos 15.26). Em vários momentos os apóstolos foram advertidos pelos homens para não falarem em nome de Jesus, pois temiam as consequências de seu poder (Atos 4.18 e 5.40). Saulo perseguia as pessoas que anunciavam o nome de Jesus (Atos 9.21) e depois se dispôs até mesmo a “morrer em Jerusalém pelo nome de Jesus” (Atos 21.13).
Precisamos conhecer o poder do nome de Jesus para viver as maravilhas que nos mandou realizar em seu nome. Mas não podemos pensar que seja uma ‘palavra mágica’. Este nome deve ser usado para anunciar a salvação, para declarar bênçãos, para orar segundo a vontade de Cristo e obedecer às ordens de Deus.
Você tem clamado ao nome de Jesus?

Creia no poder do nome de Jesus!

______________________________
1 STRONG, James. Dicionário Grego do Novo Testamento. Bíblia de Estudo Palavras-Chave: Hebraico. Grego. Tradução de João Ferreira de Almeida. Edição Revista e Corrigida. Rio de Janeiro: CPAD, 2011. Verbete 2424, página .
Citações Bíblicas: Bíblia Revista e Atualizada, Sociedade Bíblica do Brasil.

Pr. Welfany Nolasco Rodrigues Publicado por Pr. Welfany Nolasco Rodrigues

Pastor Metodista e pregador do evangelho. Escritor de esboços e sermões. Formação: Bacharel em Teologia pela UMESP - Universidade Metodsita de São Paulo.
Siga Google+.

4 comentários:

  1. Sou a Pastora Malvina Oliveira, que dizer que ministrei essa Palavra em minha igreja e como foi edificante. Que Deus continue abençoando o trabalho e ministério dos irmãos. Que A Paz de Cristo seja contigo!

    ResponderExcluir
  2. LAMENTO EM VER OS PRÉDIOS DE ALVENARIA, QUE ACREDITAVA ESTAR INDO PRA IGREJA, HOJE NÃO VEJO MAIS. ACREDITAVA QUE SER PASTOR ERA UM CHAMADO DE DEUS E HOJE UMA PROFISSÃO COMO QUALQUER OUTRA ONDE ONDE PAGAR MAIS SE ESTA OPTANDO EM IR. ACREDITAVA NO MEUS CASO OS 40 ANOS QUE FUI MUSICO SACRO SEM REMUNERAÇÃO ERA ADORAÇÃO A DEUS, E HOJE QUEM FAZ GANHA. O SAL ESTA SEM SABOR E A LUZ SEM LUMINOSIDADE. NÃO PRETENDO MAIS ENTRAR NUM LUGAR DESTE. CONTINUO LENDO A PALAVRA ORANDO, E EVANGELIZANDO E ADORANDO . MAS ESTES PRÉDIOS CAIADOS SÓ TO VENDO PODRIDÃO LAMENTO. MATEUS 23 E 24 ESTA É A IGREJA DE HOJE, E EU VIVO O QUE O APOSTOLO PAULO DISSE EM ROMANOS 7 E 8.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ou irmão é mais ster que isso viesse acontecer, mas Paulo disse vós fortes suporteis as fraquezas dos fracos, e em Mateus diz aquele que perseverar até o fim será salvo , persevere e congreguese e faça a diferença...

      Excluir

Deixe um comentário sobre o que achou desta pregação.
IDENTIFIQUE-SE por favor., colocando seu nome no comentário.
Muito obrigado por participar!

Quem sou eu

Minha foto

Tenho prazer em meditar na Palavra de Deus.
Escrevo textos e reflexões sobre as Escrituras.
Direitos autorais protegidos:
Protected by Copyscape Online Plagiarism Detector

Seguidores

Pregações por email

Livro

Livro
E-books do Pr. Welfany Nolasco
Powered by Blogger.