O Pão da Paz

-Tema: GRATIDÃO    
“Eu sou o pão da vida” João 6.48
-Introdução: Jesus é o Pão vivo que veio de Deus para nos alimentar. A única coisa que satisfaz plenamente o ser humano é a Graça de Deus (II Coríntios 12.10). Por isso, ao comermos um simples pedaço de pão, podemos lembrar-nos do grandioso amor de Deus ao nos suprir alimento (Mateus 6.11).
Observação: este estudo bíblico é uma pregação dinâmica onde fazemos uma massa de pão muito fácil e comparamos os elementos com lições para nossas vidas. Esta atividade é ideal para um culto de gratidão onde cada um pode participar levando algum ingrediente. O propósito é ministrar sobre a simplicidade do evangelho (II Coríntios 11.3) e a união entre as pessoas (Salmos 133.1).

Como é o Pão da Paz?

Vamos fazer a receita de pão simples e aprender sobre o Pão da Paz:


1- TRIGO – Palavra de Deus

Coloque 1 kg trigo em uma vasilha.
Mateus 4.4 “Não só de pão viverá o homem, mas de toda palavra que procede da boca de Deus”.
Assim como o trigo é a base para a massa do pão, a Palavra de Deus é o que nos alimenta e sustenta nossas vidas espiritualmente. Sem o trigo não há pão e sem a Palavra de Deus, o cristão não consegue ter fé (Romanos 10.17).
A Palavra de Deus é o trigo que nos alimenta!

2- FERMENTO– Amor

Misture bem 20 gramas de fermento.
Gálatas 5.9 “Um pouco de fermento leveda toda a massa”.
O amor do mundo se desgasta e diminui com o tempo, mas o verdadeiro amor que vem de Deus “jamais acaba” (I Coríntios 13.8), por isso, pode ser comparado ao fermento, que cresce, como o amor de Deus que aumenta cada vez mais em nossos corações.
O Amor de Deus é como o fermento que cresce!

3- SAL – Testemunho

Acrescente 1 colher rasa de sal e misture.
Mateus 5.13 “Vós sois o sal da terra; ora, se o sal vier a ser insípido, como lhe restaurar o sabor?”
A função do sal no pão é para conservar a massa e dar um sabor equilibrado. O sal simboliza o testemunho cristão. A nossa palavra deve ser “temperada com sal” (Colossenses 4.6) e nossas atitudes precisam dar testemunho de uma vida transformada por Deus (Atos 1.8).
O Testemunho de vida é como o Sal que conserva!

4- AÇÚCAR– Alegria

Acrescente 2 colheres de açúcar e misture.
Salmos 100.2 “Servi ao SENHOR com alegria, apresentai-vos diante dele com cântico”.
O açúcar traz um sabor adocicado e prazeroso ao pão. A alegria que recebemos de Deus é o que nos fortalece (Neemias 8.10). O Espírito Santo frutifica esta alegria no coração de quem serve a Deus (Gálatas 5.22). Mesmo diante das lutas, o cristão recebe a alegria de Deus para vencer (Salmos 126.5,6).
A Alegria é como Açúcar que traz sabor à vida!

5- MANTEIGA – Mansidão

Acrescente 2 colheres de manteiga ou margarina e misture.
Mateus 5.5 “Bem-aventurados os mansos, porque herdarão a terra”.
A manteiga ajuda no sabor e umedece a massa com sua gordura agradável. A maciez da manteiga nos lembra da mansidão necessária ao cristão para superar as dificuldades da vida. Precisamos aprender com Jesus como ser mansos e humildes (Mateus 11.29).
A Mansidão é como Manteiga que traz equilíbrio!

6- OVOS – Virtude

Acrescente 2 ovos e misture tudo bastante.
II Pedro 1.5 “por isso mesmo, vós, reunindo toda a vossa diligência, associai com a vossa fé a virtude; com a virtude, o conhecimento”.
Os ovos são responsáveis pela maciez da massa depois de pronta e principalmente por trazer proteína ao pão. Assim como os ovos têm a virtude de ter vida em si, do mesmo modo devemos ser virtuosos em nossos sentimentos e ações. A virtude apresenta qualidades Divinas que aprendemos com Jesus.
A Virtude é como ovos que têm vida!

7- ÁGUA QUENTE – Fervor

Derrame aproximadamente ½ litro de água quente aos poucos até ver que a massa está úmida. Provavelmente não será preciso usar toda a água.
Romanos 12.11 “No zelo, não sejais remissos; sede fervorosos de espírito, servindo ao Senhor”.
A água quente escalda a massa para que cresça mais ainda e tudo fique bem misturado. Esta água quente nos ensina sobre o fervor que o cristão deve ter em sua vida espiritual (Apocalipse 3.15,16). A forma de derramar a água quente aos poucos também nos ensina sobre a constância que devemos ter em nossa fé.
O Fervor é como Água Quente que incendeia nossos corações!

8- SOVAR – Trabalho

Sove bem a massa até igualar.
Salmos 128.2 “Do trabalho de tuas mãos comerás, feliz serás, e tudo te irá bem”.
A massa do pão precisa ser sovada. Quanto mais amassado for, mais macio e saboroso o pão ficará. O esforço para amassar o pão representa o trabalho e dedicação que precisamos em nossas vidas para alcançar nossos sonhos (Salmos 37.3). Muitas vezes somos amassados por Deus e moldados pelo Senhor (Jeremias 18.1-8).
Dica: leve álcool gel para que todos lavem as mãos e o pão possa ser amassado com ajuda dos participantes.
O Trabalho é como Sovar o pão!

9- DESCANSAR – Paciência

Deixe a massa descansar por no mínimo 30 min. O período ideal é cerca de uma hora ou mais.
Romanos 15.5 “Ora, o Deus da paciência e da consolação vos conceda o mesmo sentir de uns para com os outros, segundo Cristo Jesus”.
Após bem amassada, a massa do pão precisa descansar, enquanto isso ela cresce e fermente. Também precisamos aprender a descansar no Senhor e saber que durante a nossa espera estamos crescendo na presença do Senhor (Salmos 40.1).
O Descanso é um tempo de Paciência!

10- ASSAR – Oração

Unte a forma e leve a massa ao forno preaquecido por 40 min cerca de 180 graus.
Romanos 12.12 “regozijai-vos na esperança, sede pacientes na tribulação, na oração, perseverantes”.
O forno é onde a massa se torna o pão. O fogo é um símbolo de provações (Isaías 43.2) e também da presença do Espírito Santo (Mateus 3.11). Quando passamos por lutas estamos sendo forjados no fogo por Deus e quando recebemos o Espírito Santo somos preparados pelo Senhor.
O Forno representa o fogo de Deus!

11- COMER – Compartilhar

Vamos dividir o pão entre os irmãos.
Atos 2.46 “Diariamente perseveravam unânimes no templo, partiam pão de casa em casa e tomavam as suas refeições com alegria e singeleza de coração”.
A última etapa é compartilhar este pão para comer juntos. Este pão não pode ser comido sozinho. O sabor do Pão da Vida é de unidade e amor uns aos outros. Um momento de comunhão com o próximo.
Comer o Pão da Paz é uma oportunidade de Compartilhar!

Jesus é o Pão da Paz!

-CONCLUSÃO:

João 6.35 “Declarou-lhes, pois, Jesus: Eu sou o pão da vida; o que vem a mim jamais terá fome; e o que crê em mim jamais terá sede”.
Quando experimentamos o Pão da Paz que é Jesus, somos fortalecidos por Deus para a caminhada da vida (I Reis 19.8). Busque saciar sua vida na presença de Deus e viva em paz. Muitas pessoas estão famintas espiritualmente e precisam conhecer a Jesus.

Experimente o Pão da Paz!


Download do SLIDE: Pão da paz

______________________________
Citações Bíblicas: Bíblia Revista e Atualizada, Sociedade Bíblica do Brasil.
Revista Voz Missionária. Edição Novembro/Dezembro 2010.

Pr. Welfany Nolasco Publicado por Pr. Welfany Nolasco

Pastor Metodista e pregador do evangelho. Escritor de esboços e sermões.
Formação: Bacharel em Teologia pela UMESP - Universidade Metodista de São Paulo.
Pós Graduação em Filosofia pela ISEIB - Instituto Superior de Educação Ibituruna.
Licenciatura em Letras pela ISEED - Instituto Educacional Elvira Dayrell.
Extensão em Grego Bíblico pela MACKENZIE - CPAJ.
Siga Google+.

2 comentários:

  1. Achei muito edificante e de muito valor, pois tenho aprendido muito. Muito obrigado. Gilmar Cardoso de Souza.

    ResponderExcluir
  2. Parabéns pela mensagem ilustrativa, na sua forma simples, mas com uma profundidade sem igual. Que Deus continue lhe usando desta forma.

    ResponderExcluir

Deixe um comentário sobre o que achou desta pregação.
IDENTIFIQUE-SE por favor., colocando seu nome no comentário.
Muito obrigado por participar!

Quem sou eu

Minha foto
Pastor Metodista, nascido em 13 de junho de 1979 em Muriaé/MG, casado com Ássima Clemente Rodrigues e pai do Heitor.

Pregações por email

Direitos autorais protegidos:
Protected by Copyscape Online Plagiarism Detector

Livro

Livro
E-books do Pr. Welfany Nolasco
Powered by Blogger.