Até que ponto você é fiel?

-Tema: FIDELIDADE
Ester 4.11-16
-Introdução: A vida de Ester tinha tudo para dar errado, visto que era uma pobre judia que havia perdido sua família e foi criada por um tio. Mas em sua história vemos claramente a ação de Deus. Ester tinha um Deus que era com ela; e Deus tinha Ester e podia contar com ela. Quando precisamos, sempre contamos com Deus, e Deus pode contar conosco? Deus exaltou Ester porque sabia que poderia contar com ela para livrar o seu povo.
Quando estava na casa de seu tio Mordecai a menina Ester foi fiel ao Senhor. Quando foi levada para a casa do eunuco do rei para ser preparada como pretendente do rei ela continuou sendo fiel a Deus. Por isso, foi escolhida para ser rainha e quando seu povo foi perseguido poderia esquecer-se deles por causa de sua prosperidade, mas continuou sendo fiel a Deus.
Você tem sido fiel?
Vamos aprender sobre fidelidade com o exemplo de Ester:

1-Fidelidade consigo MESMO: v.11-13
Ester poderia pensar que agora, por ser rainha, era melhor do que os outros, mas não era à toa que ela era rainha, havia um propósito divino.  Deus usou Mordecai que era seu pai adotivo para exortá-la. Ela sabia que corria risco ao se apresentar ao rei sem ser chamada (v.11), mas não temeu porque a sua consciência a cobrava para ser fiel a Deus.
Deus quer nos usar, mas se não deixarmos quem sai perdendo somos nós mesmos. O Senhor usa pessoas para nos despertar à fidelidade e “se calarem, as próprias pedras clamarão” (Lucas 19.40). O próprio Espírito Santo incomoda nossa consciência quando estamos errados nos levando ao arrependimento (João 16.8-11).
Ser infiel consigo mesmo é trair a própria consciência que nos avisa quando estamos errados. Ser fiel consigo mesmo é ter tranquilidade de que está fazendo o melhor. O Espírito Santo fala em nossa mente “quando te desviares para a direita e quando te desviares para a esquerda, os teus ouvidos ouvirão atrás de ti uma palavra, dizendo: Este é o caminho, andai por ele” (Isaías 30.21).
Às vezes alguém busca uma benção e depois que Deus dá a pessoa usa a própria benção como pretexto para não assumir suas responsabilidades. Assim como não haveria desculpas para Ester como rainha se não defendesse seu povo, também não teremos desculpas diante do Rei no dia do juízo (Mateus 25.31-40).
Você tem sido fiel para consigo mesmo?
Obedeça à voz do Espírito Santo em sua consciência!

2-Fidelidade com o PRÓXIMO: v.14
Ao se tornar rainha, Ester tinha tudo o que queria, podendo pensar que não seria atingida pelos inimigos dos judeus. Foi tentada a se acovardar e não defender seu povo. Mas lembrou-se que Deus tinha um propósito para salvar o seu povo. Ela não estava ali porque era mais bonita que as outras moças e sim porque Deus a escolheu.
Deus nos dá muitos privilégios e muitas vezes pensamos que estamos seguros por isso e ficamos vendo outras pessoas passando problemas e não fazemos nada. Muitos cristãos quando alcançam prosperidade se acomodam e deixam de fazer a vontade de Deus.
Ser infiel para com o próximo é deixar de fazer aquilo que Deus manda fazermos para ajudar os outros “portanto, aquele que sabe que deve fazer o bem e não o faz nisso está pecando” (Tiago 4.17). Ser fiel para com o nosso próximo é obedecer à vontade de Deus em cooperar com aqueles que precisam.
Precisamos desapegar um pouco o comodismo para buscar o Dono de tudo sabendo que tudo o que temos é para que “pratiquem o bem, sejam ricos de boas obras, generosos em dar e prontos a repartir” (I Timóteo 6.18). É necessário reconhecer quantos privilégios nós temos. Muitas vezes recebemos prosperidade e nos predemos a isso esquecendo que Quem nos deu estes privilégios foi Deus para que usemos de acordo com sua vontade.
Você tem sido fiel com seu próximo?
Use tudo que Deus te dá para abençoar outras pessoas!

3- Fidelidade com DEUS: v.16
Ester reconheceu sua incapacidade, mas creu no poder de Deus em livrar o seu povo. Ela pediu ajuda em oração e viu que não estava só. O grande milagre aconteceu não por causa da influência de Ester, mas por causa do poder de Deus a quem ela servia.
Embora Ester soubesse que corria risco, não teve medo porque sabia que mesmo “se somos infiéis, ele permanece fiel, pois de maneira nenhuma pode negar-se a si mesmo” (II Timóteo 2.13).
Ester assumiu o que Deus tinha para ela e reconheceu que Deus a tinha posto no trono para usá-la salvando o seu povo. O povo judeu não se salvou porque Ester era rainha, mas porque era uma serva de Deus.
Às vezes reclamamos que ninguém nos ajuda. Piro ainda é quando não reconhecemos que precisamos de ajuda. Não precisamos ter medo de arriscar se estivermos fazendo a vontade de Deus porque Ele garante a vitória. Mas se estivermos fazendo nossa própria vontade, aí sim corremos risco. Devemos assumir o que Deus tem para nós onde estamos, assumir o que somos, que somos filhos de Deus, que somos igreja e que temos um ministério.
Você tem sido fiel para com Deus?
Seja fiel ao Senhor porque Ele permanece Fiel!

Deus é fiel com você!
-CONCLUSÃO: “se perecer, pereci” v.16
Ao declarar “se perecer, pereci” ela demonstrou que não tinha medo e confiava plenamente na fidelidade de Deus independente de qualquer circunstância.
Hoje não precisamos ter medo de perecer “porque Deus amou ao mundo de tal maneira que deu o seu filho Unigênito para que todo aquele que nele crê não pereça, mas tenha a vida eterna” (João 3.16). Então pense nos seus privilégios, nas suas responsabilidades e tome uma decisão reconhecendo que não está só e assuma o que Deus tem para você.
Seja fiel para consigo mesmo obedecendo á voz do Espírito Santo em sua consciência e fazendo o que sabe que é certo sem ter medo. Seja fiel para com seu próximo ajudando sempre que estiver ao seu alcance. Principalmente seja fiel a Deus em toda e qualquer circunstância.
Quando precisamos sempre contamos com Deus, e Deus pode contar conosco?
Não espere Deus usar outra pessoa porque Ele quer usar você!

Pr. Welfany Nolasco Rodrigues Publicado por Pr. Welfany Nolasco Rodrigues

Pastor Metodista e pregador do evangelho. Escritor de esboços e sermões.
Formação: Bacharel em Teologia pela UMESP - Universidade Metodista de São Paulo.
Pós Graduação em Filosofia pela ISEIB - Instituto Superior de Educação Ibituruna.
Licenciatura em Letras pela ISEED - Instituto Educacional Elvira Dayrell.
Extensão em Grego Bíblico pela MACKENZIE - CPAJ.
Siga Google+.

10 comentários:

  1. A Paz de Cristo, conhecer seu blog alegrou meu coração. Suas mensagens são edificantes para o Corpo de Cristo, e um bálsamo para todos que acessam esse espaço abençoado.
    Como prova do meu amor cristão deixo uma lembrancinha que fiz, espero que goste do acróstico:

    C ultivar uma vida de oração.
    R evigorar-se pela leitura diária da Palavra.
    E star sempre disposto a obedecer a Deus.
    S er uma testemunha fiel no viver e no falar.
    C onsagrar a Deus seu corpo, tempo e talentos.
    E sperar de Deus a orientação para a vida.
    R evestir-se do poder do Espírito Santo.

    Nós precisamos CRESCER na Graça e no conhecimento do nosso Senhor e Salvador Jesus Cristo.

    A propósito, caso ainda não esteja seguindo o meu blog, deixo o convite. Ficarei honrada e retribuirei o gesto.
    http://frutodoespirito9.blogspot.com/

    Em Cristo,

    ***Lucy***

    P.S. Convido a visitar o blog do irmão J.C. repleto de mensagens abençoadoras; algumas polêmicas, porém ricas de entendimento.

    Acesse:
    http://discipulodecristo7.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  2. Muito bom, a vida de Ester é um grande exemplo.

    ResponderExcluir
  3. Excelente! Deus continue abençoando seu ministério.

    Pr. Aldenir Araújo

    ResponderExcluir
  4. Sempre aprendi que Ester e Mordecai eram primos e não tio e sobrinha como mencionado no texto escrito neste site. Desculpe-me pela ingenuidade, mas porque aqui é mencionado o parentesco desta maneira???

    ResponderExcluir
  5. concordo que eles são primos, temos que saber interpretar o texto.

    ResponderExcluir
  6. Éster um exemplo de fé..

    ResponderExcluir
  7. Que a graça do nosso Senhor seja sobre ti todos os dias da tua vida

    Pr. Moacir Alves Bsb df

    ResponderExcluir
  8. A Paz!! que Deus continue te usando nesta terra para o ensino da palavra de Deus,faz poucos dias que encontrei este site e eu estou me alimentado sempre quando posso nesses ensinamentos maravilhosos, estão edificando muito a minha vida, é um ensino de boa compreensão e eu estou aprendendo muito com essas mensagens. Raquel Ribeiro, sou de São Luis-Ma

    ResponderExcluir

Deixe um comentário sobre o que achou desta pregação.
IDENTIFIQUE-SE por favor., colocando seu nome no comentário.
Muito obrigado por participar!

Quem sou eu

Minha foto

Tenho prazer em meditar na Palavra de Deus.
Escrevo textos e reflexões sobre as Escrituras.
Direitos autorais protegidos:
Protected by Copyscape Online Plagiarism Detector

Seguidores

Pregações por email

Livro

Livro
E-books do Pr. Welfany Nolasco
Powered by Blogger.