Adoração Infinita

-Tema: APOCALIPSE  

Apocalipse 19.1-10

-Introdução: O Apocalipse demonstra ser como um grande culto onde definitivamente Deus é adorado por seu poder e justiça. Canções e palavras de louvor são direcionadas ao Senhor a cada ato apocalíptico. Essa intensidade é demonstrada pelas palavras do apóstolo João ao dizer “ouvi no céu uma como grande voz de numerosa multidão (v.1), depois o louvor continua “segunda vez” (v,3) e os seres angelicais se unem a esta adoração (v.4). Então uma voz do trono, que é Deus falando, ordena que a adoração não pare (v.5) e o louvor aumenta mais ainda como João explica: “ouvi uma como voz de numerosa multidão, como de muitas águas e como de fortes trovões (v.6).
O louvor no céu não tem fim. Um dia a Igreja cantará com os anjos na glória diante do Senhor. Mas enquanto isso, Deus procura verdadeiros adoradores na terra (João 4.24) e motivos para que o louvor dos homens na terra seja a concordância (Mateus 18.18) da adoração dos anjos no céu (Lucas 15.7).

Como deve ser a verdadeira adoração?

Vamos refletir as características da adoração da igreja no céu para aprender como devemos adorar aqui na terra:



1- Adorar a Deus com temor:

v.5 “Saiu uma voz do trono, exclamando: Dai louvores ao nosso Deus, todos os seus servos, os que o temeis, os pequenos e os grandes.”
A adoração da Igreja gloriosa no céu após o arrebatamento demonstra um senso de justiça por tudo o que Deus terá feito revelando a verdade para o seu povo (v.2). Por isso, o sentimento de temor diante da grandeza e majestade de Deus acima de tudo e todos.
Quando adoramos a Deus precisamos temer ao Senhor porque não somos dignos de nada, nem mesmo de lhe dirigir uma palavra, mas pela graça e misericórdia somos aceitos e o nosso louvor é recebido.
Adore a Deus com temor!

2- Adorar em Santidade:

v.8 “pois lhe foi dado vestir-se de linho finíssimo, resplandecente e puro. Porque o linho finíssimo são os atos de justiça dos santos.”
A Igreja presente no céu estará vestida com roupas brancas (Apocalipse 3.5 e 18; 6.11; 7.9,13 e 14). A roupa branca é um símbolo de pureza. Por isso não há nada que possa impedir essa adoração eterna da Igreja no céu. Todos que ali estiverem serão santos para Deus e seus pecados jamais serão lembrados (Isaías 43.25).
O pecado nos impede de chegar até Deus e atrapalha nossa adorção de subir ao céu (Isaías 59.2). Para entrar em adoração diante do Senhor precisamos primeiro pedir perdão pelos pecados. Como o sacerdote que antes de entrar no santuário precisava do sangue do cordeiro (Hebreus 10.18-22), assim precisamos receber o perdão pelo sangue de Jesus (I João 1.5-9).
Adore a Deus em santidade!

3- Adorar segundo a Palavra de Deus:

v.9 “Então, me falou o anjo: Escreve: Bem-aventurados aqueles que são chamados à ceia das bodas do Cordeiro. E acrescentou: São estas as verdadeiras palavras de Deus.”
A Palavra de Deus é engrandecida pela Igreja no céu, reconhecendo que tudo o que foi profetizado se cumpriu pelo poder de Deus. Tudo o que não entendemos hoje será revelado no céu (Deuteronômio 29.29), pois Jesus mostrará toda a sua verdade (Apocalipse 5.5).
Quando lemos a Palavra do Senhor, nossa alma se enche de adoração. Um louvor sem base nas Escrituras, não tem fundamento nem forças para continuar. Mas quando a Igreja está cheia da Palavra, consequentemente adora a Deus porque esse é o fruto de seus lábios (Hebreus 13.15).
Adore a Deus segundo a Palavra!

4- Adorar somente a Deus e não à criatura:

v.10 “Prostrei-me ante os seus pés para adorá-lo. Ele, porém, me disse: Vê, não faças isso; sou conservo teu e dos teus irmãos que mantêm o testemunho de Jesus; adora a Deus. Pois o testemunho de Jesus é o espírito da profecia.
O apóstolo João ficou impressionado com toda a adoração que viu no céu e por isso se prostrou diante de um anjo, mas foi repreendido porque somente Deus é digno de louvor.
Ninguém deve aparecer ou ser engrandecido no meio da adoração, pois Deus não divide a sua glória com ninguém (Isaías 42.8). Então devemos tomar muito cuidado para não estar cantando para personalidades ou fazendo a vontade de homens.
Muitas vezes nos prostramos diante de nós mesmos e de nossa própria vontade, quando adoramos apenas do nosso jeito, mas isso não agrada a Deus. A verdadeira adoração não é para a criatura e sim para o Criador.
Adore somente a Deus!

Adore a Deus para sempre!

-CONCLUSÃO:
A Igreja gloriosa no céu, após o arrebatamento vai adorar a Deus eternamente, em Temor, Santidade, segundo a Palavra e somente ao Senhor. Mas o que tem impedido o louvor desta mesma igreja aqui na terra? Estaria faltando o temor, a santidade, o conhecimento da Palavra ou as pessoas estão cantando para si mesmas? Precisamos buscar a verdadeira adoração que vem do céu e vai para o céu. Quando a Igreja adora verdadeiramente, os anjos participam na terra até o dia que o povo de Deus vai cantar no céu.

Adore a Deus de todo o seu coração!

______________________________
Citações Bíblicas: Bíblia Revista e Atualizada, Sociedade Bíblica do Brasil.

Pr. Welfany Nolasco Rodrigues Publicado por Pr. Welfany Nolasco Rodrigues

Pastor Metodista e pregador do evangelho. Escritor de esboços e sermões.
Formação: Bacharel em Teologia pela UMESP - Universidade Metodista de São Paulo.
Pós Graduação em Filosofia pela ISEIB - Instituto Superior de Educação Ibituruna.
Licenciatura em Letras pela ISEED - Instituto Educacional Elvira Dayrell.
Extensão em Grego Bíblico pela MACKENZIE - CPAJ.
Siga Google+.

0 COMENTE!:

Deixe um comentário sobre o que achou desta pregação.
IDENTIFIQUE-SE por favor., colocando seu nome no comentário.
Muito obrigado por participar!

Quem sou eu

Minha foto

Tenho prazer em meditar na Palavra de Deus.
Escrevo textos e reflexões sobre as Escrituras.
Direitos autorais protegidos:
Protected by Copyscape Online Plagiarism Detector

Seguidores

Pregações por email

Livro

Livro
E-books do Pr. Welfany Nolasco
Powered by Blogger.