As Bodas do Cordeiro

-Tema: CASAMENTO
Apocalipse 19.5-9
-Introdução: Este texto fala sobre a maior de todas as festas que já aconteceu na história. Será o momento em que Jesus voltar para buscar sua Igreja. A Bíblia compara este momento com uma festa de casamento. Para o povo de Deus as bodas era um momento mais importante na vida de uma pessoa. Assim aprendemos que a volta de Jesus será o marco de nossas vidas, agora quando estamos esperando, no momento que será glorioso e depois quando viveremos eternamente com Ele.
Como será as Bodas do Cordeiro?
Vamos aprender sobre o que deve ter em um casamento refletindo alguns aspectos sobre as bodas do Cordeiro:


1- A certidão = JUSTIÇA: v.5 “todos os seus servos, os que o temeis, os pequenos e os grandes”
Um casamento, para ser realizado plenamente, precisa apresentar a documentação necessária para que tenha efeito civil. Esta é uma maneira justa e honesta de reconhecer o amor diante de Deus e também dos homens. A certidão é uma prova de compromisso.
O comprovante das bodas do Cordeiro será sua justiça, que não exclui ninguém. Ele chama todos os seus servos, desde o menor ao maior. Deus é justo e quer dar a todos a mesma oportunidade e um dia viver para sempre com Ele nos céus.
Quantas vezes enfrentamos situações injustas! Nestes momentos devemos lembrar das palavras do Senhor que declaram “não vos vingueis a vós mesmos, amados, mas dai lugar à ira; porque está escrito: A mim me pertence a vingança; eu é que retribuirei, diz o Senhor” (Romanos 12.19).
No relacionamento de um casal não deve haver vingança. O que é vingança? É devolver ao próximo o que fez, pagar com a mesma moeda ou tentar fazer a justiça com as próprias mãos. Nossa justiça é o Senhor!
Você já se vingou de seu cônjuge?
Aceite a justiça de Deus em sua vida!
                              
2- A música = LOUVOR: v. 6 “Então, ouvi uma como voz de numerosa multidão, como de muitas águas e como de fortes trovões, dizendo: Aleluia! Pois reina o Senhor, nosso Deus, o Todo-Poderoso”
Toda festa tem que ter música e nesta festa a música entoada será o louvor. Um casamento precisa ter louvor. Tudo o que for feito, precisa ser para adorar a Deus.
Quem deseja ir um dia para o céu, deve gostar de louvar ao Senhor, porque lá na glória passaremos a eternidade louvando ao Senhor.
A vida de um casal que deseja ser feliz deve ser regada de momentos de louvor e oração a Deus. Em sua intimidade precisam ter tempo para estar também a sós com o Senhor. Seu lar precisa difundir o louvor e nunca gritos ou confusões.
Você tem louvado ao Senhor em seu casamento?
Adore ao Senhor de todo o seu coração!

3- O Ambiente = ALEGRIA: v.7 “Alegremo-nos, exultemos”
Espera-se que o ambiente de uma festa, deva ser alegre. Mas nem sempre é assim, porque nas festas mundanas a alegria aparente termina com ressaca, dores, brigas e diversas outras consequências negativas.
A alegria determina a disposição de uma pessoa porque “a alegria do Senhor é a nossa força” (Neemias 8.10) então uma pessoa descontente está desmotivada e sem forças. Mas quando estamos felizes com Jesus podemos declarar “tudo posso naquele que me fortalece” (Filipenses 4.13).
O momento mais alegre que haverá será quando nas Bodas do Cordeiro o Senhor reunir seus escolhidos de todo a terra. Os céus com seus anjos se alegrarão neste momento tão especial. A bíblia promete que a alegria será tão intensa que nunca mais haverá dor, choro ou tristeza por toda a eternidade (Apocalipse 21.4).
A alegria de um casamento não pode ser apenas na hora da festa quando tudo é novidade. Se Jesus estiver no lar a alegria é duradoura como a paz que Jesus dá (João 16.33) e a vida abundante que proporciona ao casal (João 10.10).
Você sente alegria em seu lar?
Jesus é o motivo que você precisa para ser Feliz!

4- Os preparativos = ESPERANÇA: v.7b “são chegadas as bodas do Cordeiro, cuja esposa a si mesma já se ataviou”
Numa festa de casamento atual, o noivo espera a noiva, mas no tempo Bíblico era a noiva que esperava o noivo, como na parábola das dez virgens (Apocalipse 25.1-13). A noiva deve estar pronta para quando o noivo chegar. Jesus só virá quando sua noiva estiver preparada.
Todos se preocupam com os preparativos de um casamento. Cada detalhe é indispensável para que tudo dê certo. Contudo o mais importante é que os noivos sejam preparados para se encontrar. O tempo da preparação é o namoro quando um conhece ao outro. Este período é cheio de esperança e sonhos de uma vida a dois. De nada adiantariam os preparativos se o casal não estiver preparado.
Na verdade é difícil para um casal se afirmar preparado, mas o que não deve acontecer é que não esteja se preparando. A esperança é o desejo de melhorar, são sonhos de um tempo melhor e isso promove a preparação. O casal precisa manter viva a esperança como a Igreja deve viver na expectativa da volta de Jesus e se preparar a cada dia para isso.
Você tem se preparado para seu casamento?
Um casal despreparado vive em desespero!

5- As vestes = SANTIDADE: v.8 “lhe foi dado vestir-se de linho finíssimo, resplandecente e puro. Porque o linho finíssimo são os atos de justiça dos santos”
Sempre que vamos a um casamento nos preocupamos em como vestir. Depois da festa sempre há comentários de como estava o vestido da noiva. O branco tradicional das noivas representa pureza e honra.
Nas Bodas do Cordeiro as vestes serão de santidade. Serão vestiduras puras representadas pelo linho finíssimo e resplendente. Cada covidado será vestido de roupas brancas representando a santificação.
Mas o que importa não é o exterior e sim o interior de cada coração. O sentimento e sinceridade de cada um, vale mais do que a aparência. Nada adianta estar no meio do luxo e não ter paz no coração.
A vida de um casal para ser feliz precisa ser de constante busca de santidade. Sabemos que ninguém é santo, mas que devemos seguir o exemplo de Jesus e nos santificar a cada dia. Como podemos nos santificar se somos pecadores? Pedindo perdão dos nossos pecados (I João 1.9) e perdoando quem nos ofender (Mateus 6.14,15). Quando Jesus manda perdoar ao próximo, devemos lembrar que o próximo mais próximo é quem está perto de nós e vive na mesma casa ou dorme na mesma cama.
Você tem santificado seu casamento?
Deus quer fazer você feliz santificando sua vida!

6- Os convidados = CHAMADOS: v.9ª “me falou o anjo: Escreve: Bem-aventurados aqueles que são chamados à ceia das bodas do Cordeiro”
Um casamento tem sua lista de convidados. Da mesma forma as Bodas do Cordeiro também terá uma lista de convidados que está inscrito no Livro da Vida (Apocalipse 20.15). Os convidados serão pessoas que aceitaram o convite da Salvação. Assim como os noivos escolhem pessoas amigas para compartilhar de seu casamento, Deus também chamará apenas seus servos.
É um privilégio ser convidado para um casamento. Os convidados de uma festa não devem participar apenas deste momento feliz. Precisam continuar participando da vida do casal de maneira a abençoar e se importar com suas necessidades futuras. Os noivos precisarão de pessoas que estejam juntos com eles nos momentos difíceis e de outros casais como referenciais para seu relacionamento.
Além disso, o casal precisa ter muito cuidado com quem convida para participar de sua vida em seu lar. É importante procurar pessoas que venham acrescentar valores à sua convivência e dignificar sua família. O convidado especial que um casal deve ter é o Senhor Jesus que aceitou o convite para este tipo de cerimônia (João 2.1-8) e quer entrar em seu lar dizendo “Eis que estou à porta e bato, se alguém ouvir a minha voz e abrir a porta; entrarei em sua casa e cearei com ele e ele comigo” (Apocalipse 3.20).
Você tem convidado Jesus para estar em seu casamento?
Jesus quer fazer parte de sua vida matrimonial!

7- A consumação = PALAVRA de DEUS : v.9b “acrescentou: São estas as verdadeiras palavras de Deus”
Quando o ministro da cerimônia de casamento afirma ‘eu os declaro marido e mulher’, o casamento é consumado legalmente diante da sociedade. Nas bodas do Cordeiro, a consumação é definida pela Palavra de Deus que jamais passará (Mateus 5.18).
Um casal que deseja ser feliz não vive o que os outros dizem e sim o que Deus diz. A Palavra de Deus deve ser a base para um casamento feliz. Quem edifica sua casa sobre a Palavra é como quem edifica sua casa sobre a rocha (Mateus 7.24-27). Mas quem edifica seu lar sobre suas opiniões e vontades, bem como influências externas não baseadas na Rocha que é Jesus, seu lar pode desmoronar diante da primeira tempestade.
A Bíblia declara que foi Deus quem instituiu o casamento. Se o casal entender que sua união foi concedida por Deus, nada os abalará. Creia que seu casamento é uma bênção concedida por Deus e o Senhor fortalecerá sua união em Cristo Jesus. A Palavra de Deus é o alimento que sustenta nossas vidas (Mateus 4.4) e também nossa arma de defesa diante das dificuldades (Efésios 6.17).
Você tem alimentado seu casamento com a Palavra de Deus?
Abençoe seu matrimônio se baseando nas escrituras!

Jesus quer entrar em seu casamento!
-CONCLUSÃO:
Outra coisa que aprendemos com as Bodas do Cordeiro que serve para nosso casamento é que Jesus buscará sua noiva para a eternidade. Assim o casamento deve ser para sempre. Muitos casais se casam conformados com uma possível futura separação. Isso não é da vontade de Deus. Ao se casar, os noivos precisam sonham em viver juntos para sempre.
Quando Jesus voltar para buscar sua noiva, sua igreja, ele quer nos receber para as bodas do Cordeiro. Com esta simbologia podemos aprender muito sobre a vontade de Deus para o casamento e nos preparar mais para viver com Jesus eternamente na Glória.
Convide a Jesus para fazer parte de sua vida matrimonial. Que seu casamento tenha como certidão a justiça, como música o louvor, um ambiente sempre alegre, preparativos cheios de esperança, vestes de santidade, que os convidados sejam chamados a conhecer Jesus e tudo seja consumado pela Palavra de Deus.
COMPARTILHE esta Pregação:

1 COMENTE!:

Estou impressionado com tamanha iluminação que tem sido dado pelo Senhor através destas mensagens. Parabéns e que Deus continuem voz abencoando grandemente.
Mauro Caldeira

Respostas

Postar um comentário

Deixe um comentário sobre o que achou desta pregação.
IDENTIFIQUE-SE por favor., colocando seu nome no comentário.
Muito obrigado por participar!