Encontre uma Pregação

0

Imitadores de Deus

-Tema: DISCIPULADO 
“Sede, pois, imitadores de Deus, como filhos amados”
Efésios 5.1
-Introdução: O discípulo deve imitar seu líder em tudo o que este tem semelhante a Cristo, como Paulo declarou “sede meus imitadores, como também eu sou de Cristo” (I Coríntios 11.1). A preocupação do apóstolo era com o misticismo religioso do mundo grego que poderia criar outros moldes diferentes do evangelho. Por isso se empenhava por confirmar sua liderança dizendo “admoesto-vos, portanto, a que sejais meus imitadores” (I Coríntios 4.16). O mesmo Paulo reconhecia suas fraquezas e opiniões pessoais (I Coríntios 7.12 e 25), diferenciando-as dos mandamentos de Deus, para dar liberdade aos seus discípulos de imitá-lo somente naquilo que fosse de acordo com a vontade de Deus.
O que podemos imitar nossos líderes?
Vamos estudo quais características devem ser imitadas dos discipuladores:
6

A autoridade de Jesus

-Tema: MISSÃO 
Mateus 21.23-27
-Introdução: Nem todo o mundo caberia os livros que deveriam ser escritos se fosse relatar tudo que Jesus fez (João 21.25). Mesmo assim as pessoas não acreditaram e duvidaram da autoridade de Jesus.
Alguns fariseus questionaram a autoridade do Senhor, mas Ele não tinha que explicar sobre sua autoridade, contudo o tempo todo a mostrava com obras de poder. O mesmo acontece conosco frequentemente e mesmo que sua autoridade seja questionada, deixe Jesus mostrar em você o Seu poder.
Você reconhece a autoridade de Jesus?
Vamos aprender 7 pontos da autoridade de Jesus:
0

Como escolher o candidato certo

-Tema: ELEIÇÕES
“estabelecerás, com efeito, sobre ti como rei aquele que o SENHOR, teu Deus, escolher”.
Deuteronômio 17.15
-Introdução: O tempo das eleições é cercado de muita falácia por parte dos candidatos e também de mentiras de seus adversários que “também rejeitam governo e difamam autoridades superiores” (Judas 1.8). Precisamos pedir a direção de Deus antes de escolher em quem votar. Deus já nos deu discernimento e capacidade para decidir entre o certo e o errado à luz da Palavra (Hebreus 4.12).
Antes de haver o governo humano, Deus dirigia o seu povo em um regime teocrático. A sociedade era organizada basicamente através das famílias em autoridade patriarcal (Hebreus 11.8-22). Com o crescimento populacional, surgiram tribos que precisaram de juízes para decidir as questões comuns (Hebreus 11.30-32). Quando surgiu o primeiro rei, o profeta Samuel advertiu ao povo sobre os riscos de um governante (I Samuel 8.5-22). Com o surgimento da democracia, o povo passou a eleger seus representantes (Atos 6.5 e 15.25). Agora devemos reconhecer e devolver este poder a Deus (Salmos 115.16), escolhendo pessoas justas para governar como representantes do povo e de Deus (Romanos 13.1-5).
Você já escolheu seu candidato?
Vamos avaliar alguns princípios necessários antes de votar em alguém:
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...