Encontre uma Pregação

Mostrando postagens com marcador esboços de pregações. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador esboços de pregações. Mostrar todas as postagens
0

O alimento da Palavra de Deus

-Tema: APOCALIPSE
Apocalipse 10.8-11
-Introdução: Dieta de servo de Deus inclui, além do jejum, um alimento espiritual, porque “não só de pão viverá o homem, mas de toda Palavra que procede da boca de Deus” (Mateus 4.4). Deste modo, o apóstolo João teve uma visão semelhante ao profeta Ezequiel (Ezequiel 2.8-3.4). A ordem recebida por João foi urgente. O termo usado para que comesse o livro era “devora” com sentido de engolir. Isso nos ensina sobre a necessidade de se alimentar com as Escrituras que é o maná diário deixado para o povo de Deus (João 6.31).
Você tem se alimentado espiritualmente?
Vamos refletir sobre a necessidade de se alimentar das Escrituras:
0

Os sete Espíritos de Deus

-Tema: APOCALIPSE
Isaías 11.2
-Introdução: A expressão ‘sete Espíritos de Deus’, chama atenção ao ler o Apocalipse, pois só existe um Espírito do único Deus e como então seriam sete? O propósito deste termo é se referir à presença plena do Espírito Santo nos últimos dias (Joel 2.28-30).
A palavra "sete" em Hebraico é a mesma para jurar ou garantir1 trazendo também o sentido de estar cheio ou completo2. No Apocalipse, o número 7 demonstra que está perto de ser concluída a vontade de Deus para a humanidade. Por isso traz uma sequência de números sete: 7 igrejas > 7 selos > 7 trombetas > 7 taças.
SETE ESPÍRITOS DE DEUS significa manifestação completa e perfeita do Espírito Santo.
O que significa os sete Espíritos de Deus?
Vamos refletir sobre a manifestação plena do Espírito Santo no Apocalipse estudando a expressão ‘sete Espíritos de Deus’:
1

Os anticristos

-Tema: Volta de Jesus 
I João 2.18
-Introdução: Anticristo é alguém que se opõe a Cristo e à sua Palavra ou pretende ocupar o seu lugar. Falsos profetas são contra Cristo, mas a Bíblia declara que no fim dos tempos surgirá um homem chamado por Jesus de “o abonável da desolação” (Marcos 13.14) que personificará o anticristo ou a Besta do Apocalipse.
Neste estudo trataremos do assunto como um sistema que já opera no mundo. Mesmo que a pessoa do anticristo ainda não se manifestou, tudo já está sendo preparado para que ele seja revelado e aceito pelo mundo. Por isso, usamos o texto no plural, para designar todo tipo de manifestação contraria à fé cristã.
A Igreja precisa estar alerta para não aceitar as coisas anticristãs que estão camufladas no mundo. Aqueles que já aderirem ao seu sistema anticristão ou mundano, irão facilmente aceitar sua pessoa quando surgir. Nossa batalha contra o anticristo já começou. Não temos que lutar apenas contra sua pessoa e sim contra seu sistema.
Quem é o Anticristo?
Vamos aprender algumas características do Anticristo:
0

Meu pai, meu Herói

-Tema: FAMÍLIA
“homens dos quais o mundo não era digno”
Hebreus 11.38
-Introdução: As histórias de super-heróis mostram personagens que têm um poder sobrenatural e são invencíveis. Mas isso não é muito diferente das dificuldades enfrentadas por tantos pais de família que fazem o que parece impossível por seus filhos. Por outro lado, muitos homens alcançam grandes conquistas em sua vida profissional a custo de perder os momentos mais importantes da vida de seus filhos. Por causa disso, acabam perdendo o privilégio de vencer junto com a família desde os momentos mais simples aos mais difíceis. O maior heroísmo que um pai pode alcançar é estar presente em cada momento.
Os Heróis da Fé listados em Hebreus 11 foram personagens da história bíblica que venceram grandes desafios pela através de sua fé em Deus. Nesta lista podemos destacar sete pais que foram vitoriosos tanto fora como dentro de casa.
Quem é o seu maior herói?
Vamos refletir sobre sete pais citados na galeria dos Heróis da Fé em Hebreus 11:
0

José, pai adotivo de Jesus

-Tema: FAMÍLIA
Mateus 1.19-24 e Lucas 2.4
-Introdução: Jesus era conhecido no meio do povo como “filho de José” (João 1.45 e 6.42) e “filho do carpinteiro” (Mateus 13.55). De seu pai adotivo, Jesus herdou o título de “carpinteiro” (Marcos 6.33) por ter aprendido sua profissão. Certamente Deus escolheu um homem íntegro para fazer parte da vida de seu Filho. José sabia que Jesus não era seu filho fisicamente, mas o amou como um verdadeiro pai.
Como era o pai adotivo de Jesus?
Vamos refletir em algumas características de José:
0

Pregações para o dia dos pais

Abaixo cito uma lista de links de mensagens sobre homens da Bíblia que podem ser adaptadas para ministrar aos pais:
ABRAÃO: A Fé de Abraão
5

O olhar de Jesus

-Tema: MOTIVACIONAL 
Lucas 22.54-64
-Introdução: As belas palavras de Cristo são poderosas ao ponto de penetrar nos corações dos ouvintes da época ecoando até os leitores de hoje. Contudo, os seus gestos também expressavam a profundidade de seu amor. Mesmo calado ou sem fazer qualquer expressão, somente com o olhar, Jesus marcava as pessoas. 
Este texto chama atenção pelas palavras que indicam a visão, como as expressões: vendo-o e fixou os olhos. Por isso, vamos destacar mais o olhar do que os fatos em si, que já foram ensinados muitas vezes. Um olhar pode dizer muito mais que palavras.
Como é o olhar de Jesus?
Vamos meditar sobre o jeito de Jesus olhar as pessoas:
2

Curando as feridas

-Tema: MISSÕES 
“E, chegando-se, pensou-lhe os ferimentos, aplicando-lhes óleo e vinho; e, colocando-o sobre o seu próprio animal, levou-o para uma hospedaria e tratou dele
Lucas 10.34
-Introdução: A parábola do Bom Samaritano traz lindas mensagens para nossas vidas. Temas como o preconceito, religiosidade e obra social são extraídos desta fonte tão rica de conhecimento deixada por Jesus. O samaritano tinha algo que o levita e o sacerdote não tiveram, além do amor, de seu tempo dedicado àquela vida e do que pagou para sua hospedagem, aplicou Vinho e Óleo nas suas feridas.
O nosso próximo é quem está mais perto de nós. Às vezes pode ser um vizinho que ainda nem conhecemos, mas que está precisando de ajuda. Pode também ser uma pessoa da própria casa, que dorme debaixo do mesmo teto e não sabemos o que está acontecendo. Alguém pode estar sofrendo perto de você, sem que você saiba. Por isso precisamos estar sempre preparados para dar o remédio quando encontramos uma pessoa ferida.
Como levar cura aos feridos?
Vamos meditar nos ingredientes que o samaritano aplicou para curar as feridas:
1

Consagração a Deus

-Tema: SANTIFICAÇÃO  
Salmos 141
-Introdução: Consagrar significa dedicar inteiramente. Por exemplo, um artista consagrado é alguém que já provou sua capacidade por um bom tempo. O desejo de santificar a vida é produzido pelo Espírito Santo que nos convence do pecado (João 16.8-11), pois “esta é a vontade de Deus: a vossa santificação” (I Tessalonicenses 4.3).
Davi expressa no texto do Salmo 141 sua vontade de consagrar sua vida a Deus. Suas palavras são fonte de inspiração para nos consagrar mais ao Senhor. O texto cita algumas partes do corpo que demonstram o nível de sua dedicação espiritual.
Como se consagrar a Deus?
Vamos refletir sobre a consagração da vida para Deus:
1

NICODEMOS: discípulo do início ao fim

-Tema: DISCIPULADO 
“Havia, entre os fariseus, um homem chamado Nicodemos, um dos principais dos judeus”
João 3.1
-Introdução: O nome de Nicodemos significa ‘vitorioso sobre o povo’¹, termo que representa sua vida bem sucedida em tudo que fazia. De fato Nicodemos era “um dos principais dos judeus (João 3.1). Era um fariseu, religioso e dedicado às Escrituras. Mas este homem ouviu falar de alguém que seria maior ainda, podendo o fazer ser mais vitorioso que já era (Romanos 8.37). Passou a seguir o Mestre da Galileia, chamado Jesus Cristo.
Nicodemos é citado apenas três vezes na Bíblia, sempre no evangelho de João. Estes três momentos podem ser marcados como no início do ministério de Jesus quando começou a ser conhecido como profeta, no meio quando já estava sendo perseguido e no fim quando foi crucificado. Estes três períodos ou momentos também marcaram a vida de Nicodemos em sua caminhada no discipulado.
Você tem seguido Jesus?
Vamos estudar um pouco da trajetória de Nicodemos como discípulo de Jesus:
1

O amigo Jesus Cristo

-Tema: EVANGELISMO  
João 15.13-15
-Introdução: Jesus revolucionou o sentido da religião. Antes as pessoas achavam que Deus estava distante e Jesus apresentou Deus como Pai (João 10.29). Os mestres, chamado de Rabi eram reverenciados pelos seguidores e Jesus lavou os pés de seus discípulos com prova de amor e humildade (João 13.1-8). Além disso, Cristo chamou seus discípulos de amigos para mostrar que deseja nossa confiança e amor.
Quem é seu melhor amigo?
Vamos entender que Jesus fez muito mais que qualquer outro amigo:
0

Amizade à prova no fogo

-Tema: AMIZADE 
“entre todos, não foram achados outros como Daniel, Hananias, Misael e Azarias; por isso, passaram a assistir diante do rei”.
Daniel 1.19
-Introdução: Muitas amizades são frágeis. Assim como as pessoas estão acostumadas a utilizar as coisas, também estão usando e descartando pessoas, como copos descartáveis, por exemplo. Verdadeiras amizades suportam o fogo e não se desfazem.
Daniel e seus três amigos Misael, Hananias e Azarias viveram tempos difíceis como escravos e foi em meio a tantas dificuldades que mais se uniram para vencer tudo juntos. Quanto mais lutas passaram, mais amigos ficaram. Estes quatro companheiros são um grande exemplo de amizade que passaram juntos pelo fogo.
Sua amizade suporta o fogo?
Vamos refletir sobre alguns desafios que estes amigos suportaram juntos e se tornaram provas de uma verdadeira amizade:
0

Os amigos de Jó

-Tema: AMIZADE
Jó 2.11-13
-Introdução: Quando os amigos de Jó ficaram sabendo que ele estava sofrendo luto, perdas e dores físicas, logo foram visitá-lo. Eles foram juntos com o propósito de “condoer-se e consolá-lo” (v.11) e realmente ficaram com dó de Jó quando “levantando eles de longe os olhos e não o reconhecendo, ergueram a voz e choraram” (v.12). Ficaram juntos com Jó em silêncio por sete dias (v.13), mas depois tentaram consolar seu amigo com argumentos próprios sem saber que se tratava de algo espiritual (Jó 1 e 2). Jó estava sozinho, até sua mulher estava descrente (Jó 2.9), então precisa de ajuda. A maior parte do livro de Jó é dedicada aos diálogos com seus amigos.
Você tem amigos?
Vamos refletir nas palavras dos amigos de Jó para reconhecer alguns tipos de amizade:
1

Amizade Verdadeira

-Tema: AMIZADE 
 “O homem que tem muitos amigos sai perdendo;
mas há amigo mais chegado do que um irmão”
Provérbios 18.24
-Introdução: Existem pessoas que são apenas colegas e não amigos. Para formar uma amizade gasta tempo. Mesmo que devamos ser simpáticos com todas as pessoas, precisamos ter discernimento para reconhecer uma verdadeira amizade e principalmente não ficar iludidos com falsos amigos. A falta deste conhecimento gera muitas decepções.
Como reconhecer um verdadeiro amigo?
Vamos estudar os versículos de Provérbios que falam de amizade:
0

Pregações para o dia do Amigo

Abaixo segue uma lista de links de pregações sobre o tema amizade, que podem ser utilizadas em comemorações de amigos ou numa data de evangelismo:

0

O Reino de Deus e dos Céus

-Tema: ESTUDO BÍBLICO  
“Venha o Teu Reino” Mateus 6.10
-Introdução: As expressões ‘reino de Deus’ e ‘reino dos céus’ são sinônimas. Quando se diz Reino de Deus é referente a quem pertence e o Reino dos Céus à sua origem ao contrário dos “reinos do mundo” oferecidos por Satanás (Mateus 4.8). O sentido da palavra reino é domínio ou reinado [malkût = hebraico; basileia=grego]¹, diferenciando de um governo político e para ser mais espirituais e morais. Algumas citações se referem ao presente do reino e outras apontam para o futuro.
No Antigo Testamento aparece apenas como ‘Reino do Senhor’ (I Crônicas 28.5; II Crônicas 13.8; Obadias 1.21). Mas o conceito geral que deu origem a estes termos veio do profeta Daniel anunciando um “domínio eterno, que não passará, e o seu reino jamais será destruído” (Daniel 7.14) e que os servos de Deus fariam parte deste reino Divino (Daniel 7.14, 18, 22, 27).
No Novo Testamento a expressão ‘reino dos céus’ é usada somente por Mateus 31 vezes. Já as referências ao ‘reino de Deus’ são encontradas em Mateus 4 vezes, em Marcos 15 vezes, em Lucas 32 vezes, em João 2 vezes, em Atos 6 vezes e nas cartas de Paulo oito vezes, formando um total de 98 citações destes termos sem contar as inúmeras vezes que se usa apenas ‘reino’.
O povo que vivia sob o domínio do império Romano ouviu falar de um novo Reino “a qual, em suas épocas determinadas, há de ser revelada pelo bendito e único Soberano, o Rei dos reis e Senhor dos senhores” (I Timóteo 6.15). Estes dados revelam a importância do tema para o ministério de Jesus e dos apóstolos. Podemos resumir dizendo que esta era a doutrina principal da pregação do evangelho.
Você conhece o Reino de Deus?
Vamos estudar sobre o Reino de Deus:
1

Jesus é maior!

-Tema:  
Mateus 12
-Introdução: Nas listas de ‘top 10’ são apresentados os maiores ou melhores de uma categoria. Os resultados são colhidos na opinião pública, tendo consenso da unanimidade. No tempo de Jesus na terra, também havia listas dos grandes nomes no meio de seu povo. Esta discussão parece se destacar no capítulo 12 de Mateus e Jesus deu respostas que mexeram com os conceitos de grandeza do judaísmo. Se a preocupação do povo era seguir o ensino de alguém grande, então estavam diante do maior personagem que a história já conheceu.
Jesus é o maioral em sua vida?
Vamos refletir sobre os textos onde Jesus diz que é maior:
2

O Preço da Juventude Cristã

-Tema: JUVENTUDE  
Eclesiastes 11.9-10
-INTRODUÇÃO: A Bíblia relata muitos exemplos jovens que foram servos de Deus, como: Davi, José, Daniel, Samuel, Josué, Timóteo e Jeremias. Frequentemente nos prendemos a seus exemplos, porém, não podemos esquecer que eles pagaram um preço muito alto para viverem na presença do Senhor. No tempo destes jovens não era tão diferente, o que é pecado hoje sempre foi pecado e eles também foram muito tentados. Aliás, naquela época tempo a perseguição era muito maior porque nós vivemos o tempo da graça e numa sociedade livre.
Há um preço para ser um jovem de Deus, num mundo que tem tantas coisas ‘boas’ para nos oferecer. A Palavra diz que seríamos odiados por causa do nome do Senhor (Mateus 10.22), mas devemos tomar a nossa cruz, perder essa vida terrena para ganhar a vida eterna (Marcos 8.34-38) porque no mundo temos aflição, mas temos bom ânimo porque Deus venceu o mundo (João 14.1). Tudo que tem um preço tem uma recompensa, por isso sabemos que embora seja difícil para um jovem, vale a pena servir a Deus.
Você está disposto a pagar o preço?
Vamos refletir sobre as recompensas de servir a Deus na juventude:
3

Inteligência Emocional

-Tema: MOTIVAÇÃO   
“em tudo fomos atribulados: por fora combates, temores por dentro”
II Coríntio 7.5
-Introdução: Precisamos aprender a lidar com nossas emoções. A distância entre a mente e o coração às vezes nos deixa divididos entre o que pensamos ou sentimos. Por vezes somos racionais e outras sensoriais. Às vezes não sabemos onde é o terreno de batalha, se dentro ou fora de nossa mente e coração. Por isso os maus pensamentos ou sentimentos negativos precisam ser domados como um ser selvagem dentro de nós.
Inteligência Emocional é conseguir superar os sentimentos negativos para reagir positivamente. O autor Augusto Curi usa esta expressão como título de um de seus livros e principalmente como base de sua teoria para motivar pessoas a vencer seus problemas. O texto ensina a questionar os sentimentos e duvidar das dúvidas para ser autor de sua própria história e não coadjutor ou vítima de acontecimentos.
Você sabe lidar com seus sentimentos?
Vamos aprender com alguns exemplos Bíblicos de pessoas que conseguiram transformar seus sentimentos de maneira positiva:
6

Uma consulta com o MÉDICO dos médicos

-Tema: CURADIVINA  
Lucas 13.10-17
-Introdução: Você se lembra de sua última consulta médica? Como são os procedimentos? Primeiro você diz ao médico o que está sentindo, depois o doutor te examina para dar o diagnóstico e então receita um remédio.
Lucas, o evangelista era médico (Colossenses 4.14) e escreveu o texto lido talvez com sua ótica medicinal. Viu Jesus curar uma mulher que estava encurvada. Aos olhos humanos aquela enfermidade não teria solução ou tratamento, mas Jesus mostrou que seu poder excede ao de qualquer recurso da melhor medicina humana.
Acho interessante esta mulher ser curada na presença de dois médicos: Lucas um médico comum e Jesus Cristo, o Médico dos médicos que curou a mulher “imediatamente” como destaca o evangelista ao ficar impressionado com este poder.
Você já consultou com o médico Jesus?
Vamos comparar o atendimento de Jesus a esta mulher com uma consulta médica:
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...