2

O coração Dividido

-Tema: VIDA CRISTÃ
“Buscar-me-eis e me achareis quando me buscardes de todo o vosso coração” Jeremias 29.13
-Introdução: Quando o coração está dividido, existe uma dor enorme no peito. Esta dor é de um coração que está partido em duas direções, entre sentimentos ou situações que o dividem. Muitas pessoas sofrem sem saber que este é o verdadeiro mal dentro do seu coração. Por isso Deus deseja que o sirvamos de “todo o coração” (Deuteronômio 4.29).

Seu coração está partido?

Vamos refletir em dois exemplos de pessoas que tiveram seu coração dividido:
15

Caçadores de Leões

-Tema: MOTIVACIONAL
“Sede sóbrios e vigilantes. O diabo, vosso adversário, anda em derredor, como leão que ruge procurando alguém para devorar”. I Pedro 5.8 
-Introdução: O ditado popular que ensina que devemos vencer “um leão por dia”. De fato todos os dias enfrentamos situações de risco. São problemas ferozes que nos pegam de surpresa muitas vezes.  Com isso podemos conceituar o simbolismo dos leões como provações que são mais fortes que nós (Salmo 22.13). O leão era o maior símbolo de poder e força do tempo antigo, por isso um personagem que tivesse vencido um leão era considerado notável.

Como derrotar os leões?


Vamos refletir sobre personagens bíblicos que enfrentaram leões e tirar lições práticas para nossas vidas:
2

Liderança Saudável

-Tema: LIDERANÇA
Marcos 8.14-21
-Introdução: Um bom líder deve saber usar bem as mãos a cabeça e o coração. As mãos significam ser ativo, a cabeça o ser pensativo e o coração ser sensível.
A lição dada por Jesus nos capítulos 6 a 8 de Marcos explica isso. Jesus começa realizando grandes milagres e usando seus discípulos para fazer estes sinais, mostrando-lhes o seu poder através de cinco pães e dois peixes um grande milagre aconteceu para ensinar a suficiência de Deus sobre a carência humana, contudo os discípulos não entenderam que Jesus não falava de pão ou fome material, mas sim de coração e carência espiritual.

Como sarar a liderança?

Vamos refletir alguns ensinamentos de Jesus sobre uma liderança saudável.
13

Nos passos de Jesus

-Tema: VIDA CRISTÃ
“aquele que diz que permanece nele, esse deve também andar assim como ele andou”.
I João 2.6
-Introdução: Alguns homens de Deus como Noé (Gênesis 6.8) e Enoque (Gênesis 5.22) foram conhecidos por andar com Deus. Os discípulos também ficaram conhecidos por andar com Jesus. E você? Será que as pessoas te conhecem por andar com Jesus? Você pode andar com Cristo porque Ele anda com você por onde for.
O apóstolo João usou o verbo andar diversas vezes em suas três cartas que escreveu para sua igreja com o propósito de ensinar como suas ovelhas deveriam andar. João mesmo foi um dos discípulos que andou com Jesus e aprendeu a viver na presença Dele.

Como você tem andado?

Vamos refletir nas cartas pastorais do apóstolo João como ensinou que devemos andar:
4

Eternamente Jesus

-Tema:
“Jesus Cristo, ontem e hoje é o mesmo e será eternamente” Hebreus 13.8
-Introdução: Jesus é o Pai da Eternidade (Isaías 9.6), pois foi quem gerou a eternidade porque é o Autor da Vida (Atos 3.15), sempre existiu (Colossenses 1.13-20), o Verbo de Deus que criou todas as coisas (João 1.14). Por isso nos prometeu que estaria conosco para sempre “todos os dias até a consumação dos séculos” (Mateus 28.20).
Não somos capazes de determinar o tempo de nossas vidas, mas quando entregamos nossas vidas a Jesus podemos confiar na vida eterna que nos prometeu (João 6.47) e crer que o tempo que temos aqui na terra seremos protegidos por Deus.

Você precisa de um tempo?

Vamos refletir sobre a eternidade de Jesus para conosco:
10

Conselhos de Jesus

Lucas 5.1-11
-Introdução: Jesus é o nosso Maravilhoso Conselheiro (Isaías 9.6). Com sua sabedoria ensinava às multidões como fez no grande Sermão da Montanha (Mateus 5-7), também orientou seus discípulos para fazer a obra missionária (Mateus 10) e contava muitas parábolas para ilustrar o Reino de Deus (Mateus 13).
Pedro era um exímio pescador que entendia tudo sobre pescaria, tempo, peixes e sobre a água. Conhecia bem os instrumentos e iscas para todo tipo de peixe, bem como o período de cada pesca. Mas após uma pescaria frustrada estava lavando as redes (v.2). Então Jesus, até então um pregador para Pedro, lhe dá o conselho de pescar novamente lançando a rede ao lado. Pedro aceitou relutante o conselho e teve a melhor pescaria de sua vida.

Você precisa de um conselho?

Vamos meditar sobre três conselhos de Jesus baseado nesta passagem:
11

Um temporal se aproxima

-Tema: MOTIVACIONAL
“Apressar-me-ia a abrigar-me da fúria do vento e da tempestade”. Salmo 55.8 
-Introdução: Tempestades são inevitáveis. Por isso precisamos nos preparar para enfrenta-las. Como Jesus ensinou, nossa vida e família precisam estar bem firmadas para enfrentar os vendavais, enxurradas e temporais (Mateus 7.24-27).
O Salmo 55 fala de um momento de muitas lutas que Davi enfrentou e ele disse que desejaria voar como um pássaro para se proteger do temporal (Salmo 55.6-8).

Como enfrentar tempestades?


Vamos aprender como reconhecer saber que se aproxima um temporal à tempo de nos preparar:
6

Ferramentas do Homem de Deus

-Tema: MISSÃO
Êxodo 4.2
-Introdução: Vários homens de Deus usaram ferramentas que serviram para realizar seu ministério. Estes instrumentos inanimados foram potencializados por Deus para ser um canal de milagres. Isso mostra que Deus usa coisas improváveis para mostrar que o poder é somente do Senhor e não em objeto algum.
Deus usou o cajado de Moisés para realizar sinais no Egito (Êxodo 4.2-5), as trombetas com Josué para derrubar as muralhas de Jericó (Josué 6.16 e 20), o manto de Elias para abrir o Jordão (II Reis 2.8 e 14), a pedra que Davi derrubou o gigante Golias (I Samuel 17.49), os figos que Isaías aplicou para curar o rei Ezequias (Isaías 38.21), a lã para mostrar sinais a Gideão (Juízes 6.37) e até mesmo Jesus usou o barro para operar a cura em um cego (João 9.6).
Que ferramentas estão em suas mãos?

Vamos fazer o Estudo Bíblico através de uma dinâmica* com uma caixa de ferramentas onde cada peça tem um significado:
3

Presentes de Natal

-Tema: NATAL
Mateus 2.1-12
-Introdução: A prática de doar presentes no Natal pode ter sido advinda da atitude dos reis magos quando ofereceram à família de Jesus ouro, incenso e mirra (v.11). Estes eram presentes comuns para um recém-nascido da época, pois o ouro serviria como dinheiro para o sustento, o incenso era usado para espantar moscas e a mirra para proteger a pele do bebê.  
Além disso, os três presentes tinham um sentido simbólico:
-ouro porque Jesus é Rei (Apocalipse 19.14).
-incenso porque Jesus é o Sumo Sacerdote (Hebreus 7.17 e 21).
-mirra porque Jesus é Profeta (Mateus 21.11).
Leia mais sobre estes símbolos na mensagem Rei, Profeta e Sacerdote: a missão de Jesus revelada em seu nascimento. Com certeza aqueles homens ofereceram muito mais que isso junto com aqueles presentes.

Qual o melhor presente de Natal?

Além do ouro, incenso e mirra, os reis magos dedicaram:
0

O sentido do Natal

-Tema: NATAL
Lucas 2.8-20
-Introdução: Sentido significa direção. Mas sentido também pode ser significado por que de acordo com a direção que tomamos damos significado aos nossos propósitos. Então para saber o sentido do Natal precisamos ver a direção que nos aponta ou para onde nos conduz.

Qual o sentido do Natal?


Vamos meditar algumas coisas que o Natal nos direciona:
1

Milagres do Natal

-Tema: NATAL
“Porque para Deus não haverá impossíveis em todas as suas promessas”. Lucas 1.37
-Introdução: Natal é tempo de milagres. O maior milagre aconteceu quando Jesus veio ao mundo. A expressão de Maria declarando que “para Deus não haverá impossíveis”, revela a sequência de milagres que o nascimento de Jesus desencadearia.
Muitas famílias vivem situações tão difíceis durante o ano, que ao final do mesmo, somente um milagre possibilitaria um Natal feliz. Mas este é o propósito deste momento, celebrar a presença e o poder de Deus acima de qualquer dificuldade.

Você precisa de um milagre?

Vamos refletir sobre sete milagres que aconteceram no nascimento de Jesus:
4

Mensagens para o Natal

O período em que se comemora o Natal é um tempo oportuno para evangelização. Podemos falar da vinda de Jesus para salvar o mundo e aproveitar o memento de confraternização para ministrar sobre comunhão, amor e perdão.

Pregações sobre o Natal

Abaixo listo uma série de links de sermões para pregar em cultos de Natal:
3

Pregações para o Ano Novo

O início de um novo ano é um tempo de reflexões onde as pessoas estão em busca de respostas para suas vidas. Por isso é importante trazer palavras de fortalecimento e desafiando o povo de Deus a lutar por seus sonhos. A melhor forma de começar o ano é com uma Palavra de Deus para o coração.

Veja alguns links de pregações para o Ano Novo:

4

O que acontece enquanto oramos?

-Tema: ORAÇÃO
“todos perseveravam unânimes em oração...”
Atos 1.14
-Introdução: Quando oramos Deus agem com poder. Podemos ver vários momentos em que Deus responde durante a oração como profetizou Isaías: “e será que antes que clamem eu responderei; estando eles ainda falando eu os ouvirei” (Isaías 65.24). Precisamos estar atentos para perceber a resposta de Deus quando oramos e saber que se a oração se baseia na fé, milagres serão inevitáveis (Hebreus 11.6).

Está esperando a resposta de sua oração?


Vamos refletir sobre orações que foram respondidas imediatamente no livro de Atos:
0

Pregações para o Dia da Bíblia

   O dia da Bíblia (2° domingo de Dezembro) merece uma mensagem especial sobre este livro fabuloso que é a Palavra de Deus.
   A Bíblia é o único livro imutável, auto-interpretativo e que é capaz de falar de si mesmo com autoridade.
   A Bíblia merece ser divulgada e ensinada a cada dia. Então pregue sobre a Bíblia!

Veja alguns links de mensagens sobre a Bíblia:

11

Forças para continuar

-Tema: ESPERANÇA
Atos 23.11
-Introdução: Na caminhada da vida sempre é preciso parar um pouco para se fortalecer e então continuar até o destino. Essa pausa muitas vezes não é intencional. São situações que se levantam como barreiras para nos parar um pouco. Em momentos como num tratamento de saúde, mudança de emprego ou outras crises, pode ser o tempo oportuno para renovar a vida e recomeçar uma nova etapa de maneira diferente.
   Paulo estava vivendo um momento assim. A perseguição contra seu ministério se tornou tão forte que ele foi preso e desta vez parecia que seria o fim. Já tinha enfrentado o sinédrio e sabia o que queriam fazer com ele. Neste momento estava sozinho em uma cela fria e escura de uma fortaleza. Talvez aquela fosse sua última noite de vida.
Aos olhos humanos Paulo estava refém entre os interesses políticos dos romanos e judeus. Mas soube se aproveitar disso usando sua cidadania romana (Atos 22.25-28) visto que os judeus já tinham decido matá-lo (Atos 23.10).
2

Liderando em meio à tempestade

-Tema: MOTIVACIONAL 
Atos 27.1-44
-Introdução: Paulo estava prisioneiro em um barco em direção a Roma, onde seria julgado. Na viagem o “vento era contrário” (v.4 e 7). Mesmo sendo apenas um preso à bordo, Paulo assumiu a liderança da situação e foi usado por Deus para salvar vidas. Reagiu com otimismo, coragem e equilíbrio.
No meio da tempestade, nossa tendência é apavorar. Parece que a tempestade que está fora entra dentro de nós e nos perturba. Muitas vezes nos sentimos prisioneiros, como se estivéssemos presos à situação e sem poder fazer nada.
A liderança é um alvo para tempestades. Enfrentamos temporais na vida pessoal, trabalho, igreja e as tempestades de outras pessoas como amigos e irmãos. Por isso precisamos aprender a lidar com as tempestades.

Como liderar diante de uma tempestade?


Através do exemplo de Paulo podemos refletir como administrar conflitos e aprender a ser líder em meio aos temporais: 
0

Estrutura da Igreja Primitiva

-Tema: LIDERANÇA
Efésios 4.11, 12 E ele deu uns como apóstolos, e outros como profetas, e outros como evangelistas, e outros como pastores e mestres. Querendo o aperfeiçoamento dos santos, para a obra do ministério, para edificação do corpo de Cristo”.
-Introdução: Se a Igreja Primitiva não tivesse sido devidamente organizada e preparada, certamente seria apenas um movimento citado na história e a igreja não teria permanecido até hoje. Embora a hierarquia eclesiástica dos primeiros cristãos pareça muitas vezes informal, na verdade estavam muito bem estruturados.
Hoje em dia existe uma diversidade de igrejas com organizações diferentes usando inúmeros títulos e cargos. Isso revela o dinamismo do Corpo de Cristo recriando e crescendo para atender às almas carentes do Evangelho. Podemos nos inspirar no modelo primitivo para tirar algumas lições.

Como a Igreja Primitiva era organizada?


Algumas estratégias de administração usadas na Igreja Primitiva foram:
13

Quando virá o meu milagre?

-Tema:
Atos 3.1-10
-Introdução: Freqüentemente ouvimos pessoas que falam que estão esperando uma resposta de Deus para suas vidas por algum tempo. Dentre estas pessoas há aquelas que esperam em oração, mas também há aqueles que não fazem nada, nem orar e mesmo assim querem receber.
   Na Bíblia vemos alguns exemplos de pessoas que esperaram muito por um milagre como a mulher do fluxo de sangue por doze anos (Mateus 9.20), outra mulher que andou encurvada dezoito anos (Lucas 13.11 e 16) e em Betesda havia um homem paralítico há trinta e oito anos (João 5.5). O próprio Senhor Jesus esperou completar trinta anos para começar seu ministério (Lucas 3.23). Quando Marta e Maria mandaram chamar Jesus, pensaram que Jesus chegou atrasado quatro dias depois que Lázaro já tinha morrido (João 11.39). Mas Jesus nunca chega atrasado, ele vem no tempo certo, no tempo de Deus (Eclesiastes 3.1). Tudo isso ensina que precisamos aprender a esperar com paciência no Senhor (Salmos 40.1).
0

Os santos na casa de César

-Tema: VIDA CRISTÃ
“Todos os santos vos saúdam, especialmente os que são da casa de César”. Filipenses 4.22
-Introdução: O apóstolo Paulo estava preso em Roma quando escreveu a carta para a igreja em Filipos (Atos 28.14-31). Paulo tinha o hábito de fazer saudações em suas cartas, lembrando-se de vários irmãos às vezes em longas listas de cumprimentos (Romanos 16.3-16). Por isso manda um abraço coletivo dos irmãos de Roma para todos filipenses.
Paulo chamava os irmãos de santos (Filipenses 1.1) para lembrar-lhes que foram perdoados por Jesus e deviam permanecer em santidade. Quando Paulo fala de pessoas da casa de César, não estaria se referindo aos parentes do imperador de Roma, mas a pessoas que trabalhavam ali (cf. Filipenses 1.13).
Algumas marcas da chamada casa de César¹:
-Exército: milhares de soldados treinados para violência sem piedade para qualquer povo inimigo;
-Templos: centenas de deuses do panteão romano eram expostos nas estátuas de ídolos, inclusive do próprio imperador;
-República: o senado e a hierarquia do império marcada por interesses políticos e a busca de títulos e cargos; altos impostos e corrupção.
-Harém: prostituição, estupros, incestos, homossexualismo e toda sorte de imoralidade são frequentemente citados na história dos imperadores romanos.
-Banhos públicos: nudismo e orgias públicas.
-Circo: teatro com cenas imorais e violentas. Os gladiadores torturavam prisioneiros e feras devoravam pessoas como um espetáculo ao povo.

Como ser santo em meio ao mundo?

Vamos refletir sobre o chamado à santidade no meio de um mundo pecador, segundo a visão de Paulo apresentada na carta aos Filipenses: