O papel do pastor e da ovelha

-Tema: MINISTÉRIO
João 10
-Introdução: Vivemos um tempo de crise de identidade espiritual. A relativização dos conceitos tem confundido as coisas na sociedade. Muitas pessoas não conseguem definir seu papel ou até mesmo sua própria personalidade. Por isso existe tanta confusão nas igrejas fazendo que as pessoas não compreendam seu papel no corpo de Cristo.
Jesus contou esta parábola do Bom Pastor, falando de si mesmo e de seu rebanho para orientar os padrões tanto do pastor como da ovelha nas igrejas.
Você é pastor ou ovelha?
Vejamos através das palavras de Jesus qual é o papel do pastor e o da ovelha:

1- Papel do Pastor:
Jesus é o modelo de pastor que devemos seguir. Embora existam coisas que somente Jesus pode ter feito, como morrer por nós, tudo o que fez é o exemplo que nos orienta para o cuidado de vidas.
O termo pastor significa aquele que cuida de um rebanho. Na idade média os líderes espirituais eram chamados ‘cura d’alma’ ou apelidados de ‘cura’ pelo papel que exerciam ao cuidar de vidas.
As atribuições de um pastor, segundo as palavras de Jesus são:
1) Entra pela porta (v.2):
O pastor também é ovelha e deve prestar contas a seu líder. Entrar pela porta significa que para se tornar pastor, passou pelo processo legal oferecido pela igreja, seja este uma eleição, curso teológico, nomeação e principalmente ser consagrado por um superior a ele. Para crescer no ministério não é preciso pular a janela fazendo uma divisão ou sendo rebelde contra seu líder. Procure bater na porta e entrar de maneira digna sem passar por cima de ninguém.
2) Conhecer as ovelhas pelo nome (v.3 e 14):
Para ser pastor é preciso conhecer as ovelhas. Um líder que não sabe o nome de seus companheiros, nunca foi em sua casa e não participa de sua vida, pode ser um gerente e não um pastor. A relação do pastor com a ovelha é como se fosse parte da família. Muitas vezes o pastor fica tão cheio de tarefas administrativas que não consegue ter tempo para estar junto com suas ovelhas.
3) Conduzir as ovelhas (v.3c):
Como líder espiritual, o pastor é um condutor para suas ovelhas. A imagem aqui é do pastor atrás do rebanho tocando-os para fora do curral. Este é o momento em que o pastor aponta a direção para o povo. Infelizmente existem muitos modelos de igrejas onde uma liderança é que conduz a igreja e o pastor também e conduzido pelas decisões deste grupo. Quem tem autoridade espiritual sobre a igreja para conduzir suas decisões é o pastor. Como homem de Deus, o pastor recebe do Senhor as orientações para o seu povo.
4) Ir adiante das ovelhas (v.4):
Em outro momento o pastor passa adiante das ovelhas para que elas possam vê-lo e seguir na direção certa por onde for. Como líder, o pastor é o exemplo a ser seguido na igreja. Se o pastor é um homem de oração, a igreja ora; se a igreja vê o pastor cuidando de vidas, o povo também cuida. A igreja é o espelho de seu pastor e segue seu exemplo. O que o pastor faz vale mais do que suas palavras no púlpito.
5) Dedicar sua vida pelas ovelhas (v.11):
A vida de um pastor é dedicada a suas ovelhas. Somente Jesus deu sua vida para nossa salvação e ninguém mais pode fazer isso, mas este é um exemplo de entrega que deve ser seguido pelos líderes espirituais. Por isso Jeremias alerta os pastores que apascentam a si mesmos (Jeremias 23.1-4). Quando se entrega ao ministério, o pastor deixa tudo em prol de ganhar vidas para Deus.
6) Nunca abandonar suas ovelhas (v.12,13):
Jesus deixa bem claro a diferença entre um mercenário e um pastor. O mercenário visa seu interesse e quando não consegue o que quer ou quando enfrenta algum risco, então foge abandonando o rebanho. Já o verdadeiro pastor, cuida mais ainda de seu rebanho quando percebe as situações perigosas, chegando a arriscar-se pelas suas ovelhas. É nos momentos mais difíceis da vida das pessoas que o pastor se mostra presente e ganha realmente o respeito do povo.
7) Não fazer distinção de pessoas (v.16):
O pastor deve atender toda a comunidade além das que estão na igreja, que são “outras ovelhas, não deste aprisco” e trabalhar pela unidade do povo para que sejam “um rebanho e um pastor”. Para isso o pastor não pode fazer distinção de pessoas dentro ou fora da igreja. Para o pastor, todos são ovelhas ou almas a serem ganhas para o Senhor. Se o pastor se limitar a atender apenas um grupo, perde a oportunidade de conquistar muitas vidas.

Quando o pastor exerce seu ministério seguindo o exemplo de Jesus, mesmo que seja muito difícil, tudo o que fizer é aprovado por Deus. Então Jesus se torna o real e supremo “pastor e bispo de vossas almas” (I Pedro 2.25).
Seja um pastor de acordo com o exemplo de Jesus!

2 – Papel da Ovelha:                                                                                                    
Quem conhece ovelhas, sabe que é um animal dócil e manso. Além disso, a ovelha se apega ao ser humano confiando nos direcionamentos que dá. Ovelhas são animais que precisam de orientação, pois não sabem se cuidar sozinhas. Também são frágeis diante de predadores e não conseguem se defender, por isso não podem viver sem o cuidado de um pastor.
As atribuições das velhas, de acordo com as palavras de Jesus são:
1) Ouvir a voz do pastor (v.3):
A ovelha ouve a voz do seu pastor. Ouvir é mais do que apenas escutar. Ouvir significa compreender. A ovelha vai à igreja para aprender algo e o pastor é o canal de Deus para transmitir esta mensagem. Por isso, a ovelha deve aceitar a voz de seu pastor como veículo Divino para entrega de sua Palavra. Quando o pastor fala a ovelha deve ouvir atentamente.
2) Seguir a orientação do pastor (v.4):
As ovelhas devem seguir a orientação do pastor. Existem pessoas que querem mandar no pastor e dizer o que deve fazer. Todos podem dialogar e sugerir ao pastor, ideias do que pode ser feito, mas a orientação do pastor deve ser obedecida. Muitas pessoas só querem ouvir coisas boas do pastor e quando são exortadas, não aceitam. Mas o pastor tem autoridade para corrigir o rebanho com a “vara e o cajado” e isso deve ser considerado como consolo pela ovelha (Salmo 23.4).
3) Reconhecer a voz do pastor (v.4):
Dentre todos os ruídos e mugidos do rebanho, a ovelha consegue reconhecer a voz do pastor. A diversidade de igrejas é tão grande que fica difícil estabelecer um padrão. Cada igreja e cada pastor, pensa e fala de uma maneira diferente. Então a ovelha precisa saber discernir a voz de seu pastor para não ficar confusa. Quem fica andando de igreja em igreja e escolhe qual pastor vai ouvir, acaba em confusão e se perde pelo caminho.
4) Não seguir ou ouvir estranhos (v.5 e 8):
A ovelha não atende a orientação de estranhos. Isso é muito importante porque existem muitos “falsos profetas” (Mateus 7.15). Infelizmente muitas igrejas preferem ouvir pregadores de fora, que muitas vezes são pessoas desconhecidas da comunidade. Estes pregadores veem e ensinam o que querem para as ovelhas e depois vão embora, mas quem fica para lutar com seu rebanho e resolver os conflitos é o pastor. A verdadeira ovelha ouve a voz de seu pastor e não de estranhos.
5) Aceitar o alimento oferecido pelo pastor (v.9):
A ovelha procura e acha pastagem oferecida pelo pastor. O Salmo 23 fala que a ovelha não sente falta de nada, sendo levada a pastos verdejantes e águas tranquilas. Assim como cada pastor procura dar o melhor alimento para seu rebanho, a ovelha também deve aceitar o suprimento dado pelo pastor. Quando a ovelha olha o pasto do vizinho e procura comer longe de seu pastor, logo ela se perde. Muitas ovelhas estão feridas, perdidas ou desnutridas porque não aceitam o alimento oferecido pelo pastor.
6) Conhecer o seu único pastor (v.16):
Assim como o pastor deve conhecer suas ovelhas, estas também devem conhecer o seu pastor, para que haja “um rebanho e um pastor”. Mesmo que já tenha vários líderes espirituais, a ovelha deve reconhecer como seu único pastor, aquele que está cuidando de sua vida espiritual. Muitas ovelhas estão seguindo pastores da televisão, que embora seja uma bênção. O seu pastor é aquele que te visita, ministra a ceia, aconselha e nas horas difíceis você liga para ele.
7) Acreditar no pastor (v.26):
Jesus disse que os fariseus não eram ovelhas porque não acreditavam nele. O que faz uma pessoa ser ovelha é dar crédito ao que o pastor diz. Ovelha desconfiada não acredita no pastor. Existem pessoas que são tão exigentes que não dão crédito ao seu pastor. A ovelha precisa confiar no pastor para confidenciar sua vida pessoal e ele poder cuidar de suas feridas. Saber que tem alguém cuidando de nós é algo que conforta nossos corações.

No mundo atual, diante da liberdade e individualismo propostos pela sociedade, tornar-se ovelha é um grande desafio. Desde o compartilhar as questões pessoais até aceitar a correção do líder exige um esforço enorme para quem deseja ser ovelha. Se cada ovelha seguir estas orientações, a vida na igreja se torna muito mais fácil.
Seja uma ovelha mansa com o seu pastor!

Assuma seu papel de ovelha ou pastor!

-CONCLUSÃO:
O comércio religioso tem feito de muitos pastores, funcionários executivos de igrejas e alguns acabam sendo seduzidos por interesses financeiros. Além disso, o trânsito religioso tem provocado uma mudança constante de igreja entre as pessoas. Todos estão acostumados com a concorrência do comércio e comprar o que quiser, quando e onde quer. Isto está refletindo no comportamento de muitos crentes. A pessoa vai à igreja que mais lhe agrada e se algo lhe aborrecer, logo procura outra. Quem faz isso deixa de ser ovelha por não se submeter ao cuidado de um só pastor.
Você sabe qual é o seu papel?
Assuma sua identidade espiritual!

ASSISTA ESTE ESTUDO:

Pr. Welfany Nolasco Rodrigues Publicado por Pr. Welfany Nolasco Rodrigues

Pastor Metodista e pregador do evangelho. Escritor de esboços e sermões.
Formação: Bacharel em Teologia pela UMESP - Universidade Metodista de São Paulo.
Pós Graduação em Filosofia pela ISEIB - Instituto Superior de Educação Ibituruna.
Licenciatura em Letras pela ISEED - Instituto Educacional Elvira Dayrell.
Extensão em Grego Bíblico pela MACKENZIE - CPAJ.
Siga Google+.

17 comentários:

  1. Olá, pastor! Meu nome é Verônica e sou editora da Revista Palavra de Paz, uma publicação
    mensal de circulação nacional dirigida pelo irmão Anthony Garotinho.

    Através de uma busca na internet, descobri este artigo do pastor e da ovelha, escrito pelo senhor, e eu gostaria
    de publicá-lo na revista. Com certeza, a publicação contará com as informações
    acerca do autor, bem como nome, e-mail e outros dados que o senhor desejar.

    Podemos publicá-lo? Peço, por gentileza, que o senhor envie uma resposta para meu e-mail veronica@palavradepaz.com.br. Aguardo sua resposta.

    Deus abençoe,
    Verônica Garcia.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não tenho palavras para expressar a gratidão e a felicidade Pastor pelo conteudo do seu material. Edifica e constroi um carater cristão em meus alunos na igreja. Utilizo algumas publicações suas, falo sobre a autoria e o seu nome e oramos tambem por sua vida, para que Deus derrame bençãos sem medidas sobre o senhor e edifique cada bez mais o seu Ministério.obrigado Pastor

      Excluir
  2. Muito obrigado Pr. Nolasco, seu material me ajudou muito numa ministração aos jovens de minha igreja...

    Romax Alves - Anápolis/GO

    ResponderExcluir
  3. Parabéns pastor me ajudou muito a tirar algumas duvidas em relação ovelha e pastor.

    ResponderExcluir
  4. Gostei muito e fui ricamente abençoada que o SENHOR JESUS continuem te usando para orientar seus servos .Pr se possível for me tire algumas dúvidas , e quando o pr não cuida da igreja que lhe foi confiada , ele é um ditador se tem alguém enfermo não vai visitar ,se alguns se afastam ele não vai procurar seus diáconos e os que trabalham na obra não tem valor , se chega alguém bem vestido põe logo no púlpito sem nem se quer saber de onde veio ou quem é e ainda manda descer o cajado na igreja . o que fazer em uma situação dessa? Desde já muito obg

    ResponderExcluir
  5. Lucimar Miiler Souza3 de dezembro de 2015 21:42

    Ola pastor,
    gostei muito da mensagem.... sou coordenadora da EBD e irei usar suas palavras para um estudo. Que Deus abençoe sua vida e seu ministério.

    ResponderExcluir
  6. Gostei bastante, muito importante sabermos nossos deveres como ovelhas e também o papel do pastor, pois um precisa do outro. Muito boa a publicação, só descordei um pouco em relação o "Ouvir" e "Escutar" kkkkk, mais tudo bem, isso é o de menos, no geral o contéudo foi muuuuito bom.

    ResponderExcluir
  7. A paz do Senhor !!! Esse estudo foi muito bem explicado, que Deus abençoe sua vida em nome de Jesus. (Marcelle)

    ResponderExcluir
  8. Muito bom este artigo, mas gostaria de fazer uma pergunta sobre o tema.
    Quando a ovelha ouve o conselho do pastor, aceita suas palavras e agi conforme sua orientação o certo será um resultado positivo. Porém no meu caso foi diferente, ouvi a orientação, agi conforme seus criterios e opiniões crendo que estavas correto, o que posteriormente causou grandes feridas, não só a mim mais as pessoas envolvidas pelas minhas atitudes, o que devo fazer a partir de agora?

    ResponderExcluir
  9. Paz do Senhor Pastor!! Que Deus continue lhe dando sabedoria. Que palavra maravilhosa e como Deus falou ao meu coração!

    ResponderExcluir
  10. DEUS abençoe ao pastor,este estudo me ajudou muito.

    ResponderExcluir
  11. Vós, porém, não queirais ser chamados Rabi, porque um só é o vosso Mestre, a saber, o Cristo, e todos vós sois irmãos. E a ninguém na terra chameis vosso pai, porque um só é o vosso Pai, o qual está nos céus. Nem vos chameis mestres, porque um só é o vosso Mestre, que é o Cristo (Mateus 23.8-10).

    ResponderExcluir

Deixe um comentário sobre o que achou desta pregação.
IDENTIFIQUE-SE por favor., colocando seu nome no comentário.
Muito obrigado por participar!

Quem sou eu

Minha foto

Tenho prazer em meditar na Palavra de Deus.
Escrevo textos e reflexões sobre as Escrituras.
Direitos autorais protegidos:
Protected by Copyscape Online Plagiarism Detector

Seguidores

Pregações por email

Livro

Livro
E-books do Pr. Welfany Nolasco
Powered by Blogger.