Conhecendo a Jesus Transfigurado

-Tema: CONVERSÃO
 “e foi transfigurado diante deles; o seu rosto resplandeceu como o sol, e as suas vestes tornaram-se brancas como a luz”. Mateus 17.1-8
-Introdução: Durante séculos Jesus foi pintado numa aparência de homem europeu com belos cabelos bem cuidados e olhos azuis. Certamente não era esta a figura de um carpinteiro ou de um profeta que vivia pelos desertos. Também guardamos a imagem do Messias sofredor, quando “estava mui desfigurado” (Isaías 53.2). Mas esta não é a última imagem mostrada sobre Jesus no Evangelho. Ele ressuscitou!
Jesus nem foi reconhecido à primeira vista por vários de seus seguidores porque estava totalmente restaurado (Lucas 24.13-35; João 20.14-16; 27,28 e 21.6,7). Depois Jesus subiu aos céus (Atos 1.9-11) onde está à direita de Deus e voltará em glória (Marcos 13.26). Este é o Cristo Vencedor (Apocalipse 19.11-14).
Muitas pessoas guardam a lembrança do Messias Sofredor e esquecem que Ele se tornou o Cristo Vencedor. Como num álbum de fotografias que mostra o progresso de uma pessoa nas fotos, podemos ver que o Jesus ressuscitado está agora em sua glória que sempre teve (João 17.5). Por isso Jesus mostrou sua aparência glorificada no monte da transfiguração.

Como você imagina Jesus?

Vamos aprender o que acontece conosco quando conhecemos a Jesus verdadeiramente e Ele é transfigurado diante de nós:

1- Vida de Oração:

v.1 “tomou Jesus consigo a Pedro e aos irmãos Tiago e João e os levou, em particular, a um alto monte”.
Tudo começa na oração. Jesus andava cercado de uma grande multidão, muitos escribas e fariseus além de seus seguidores e os doze discípulos. Mas somente três destes puderam ver Jesus como verdadeiramente é num momento especial de oração. Pedro, Tiago e João buscavam maior intimidade com Jesus.
Jesus quer se revelar a nós com sua glória, mas precisamos estar com Ele “em particular” ou como ensinou a orar “em secreto” (Mateus 6.6). Somente quem tem uma vida de oração, conhece a Jesus mais profundamente.
A glória de Jesus se manifesta na oração!

ASSISTA:
2- Experiência com a Palavra:

v.3 “E eis que lhes apareceram Moisés e Elias, falando com ele”.
Os discípulos sempre ouviram falar dos profetas e da lei. Embora acreditassem em tudo que conheciam sobre as Escrituras, quando viram ali a presença de Moisés e Elias, ficaram impressionados.
Moisés representa a lei (João 1.17) e Elias representante dos profetas (Malaquias 4.6). Moisés foi sepultado pelo próprio Deus (Deuteronômio 34.5,6) e Elias foi trasladado ao céu (II Reis 2.9-14). Deste modo os discípulos tiveram a constatação da realidade da Palavra de Deus.
Quando conhecemos a Jesus verdadeiramente passamos a crer e compreender na Palavra de Deus que penetra profundamente como revelação anos nossos corações (Hebreus 4.12). Muitas pessoas leem a Bíblia apenas como livro ou história porque não conhecem ainda o Verbo que se fez carne (João 1.1 e 14).
Jesus nos faz ter experiências com a Palavra!

3- Prazer na presença de Deus:

v. 4 “Pedro, tomando a palavra, disse a Jesus: Senhor, bom é estarmos aqui; se queres, farei aqui três cabanas, uma para ti, outra para Moisés, e outra para Elias”.
Pedro sentiu-se tão bem quando estava ali com Jesus, Moisés e Elias que não queria mais ir embora. Propôs fazer tendas para eles e permanecer no monte. Sua alegria e disposição são notáveis.
A pessoa religiosa cumpre apenas ritos e cerimônias que pensa ser sua obrigação. Mas quando conhecemos a Jesus verdadeiramente passamos a ter prazer na presença de Deus e rejeitar as coisas do mundo (Salmo 1.1,2). Também aprendemos a amar a Casa de Deus como nossa ‘tenda’ onde desejamos viver (Salmo 84.10). O maior prazer de um cristão é conhecer mais sobre Jesus (Salmo 119.24, 143, 174).
A revelação de Jesus nos dá prazer!

4- Envolvimento com Deus:

v.5ª “Estando ele ainda a falar, eis que uma nuvem luminosa os cobriu...”.
No momento da transfiguração de Jesus eles foram envolvidos na Glória de Deus. A mesma kabhodh (dowbk), glória e explendor¹ que se manifestava a Moisés no monte e falava com Ele (Êxodo 24.16). O brilho da glória de Deus estava tão intenso que provavelmente não conseguiam enxergar mais nada além da nuvem.
Toda vez que nos chegamos a Deus, o Senhor também se aproxima de nós (Tiago 4.8). Jesus prometeu sua presença todas as vezes que oramos em seu nome (Mateus 18.19). Quando conhecemos a Jesus verdadeiramente passamos a ser envolvidos na presença de Deus por onde estivermos. Tudo em nossa vida se torna cheio da glória de Deus que enche a terra e os céus (Isaías 6.3). Onde estiver a presença de Deus, tudo se enche de glória (Isaías 60.1).
A glória de Deus se manifesta em quem conhece a Jesus!

5- Ouvir a voz de Deus:

v.5b “e dela saiu uma voz que dizia: Este é o meu Filho amado, em quem me comprazo; a ele ouvi”.
Deus falou do meio da nuvem como falava com Moisés no Sinai e os discípulos ouviram o recado que falava sobre Jesus, o amado do Pai a quem deveriam escutar.
A voz de Deus fala ao nosso coração pelo Espírito Santo (Isaías 30.21) nos ensinando tudo que precisamos sobre Jesus (João 14.26). Quando oramos não apenas falamos com Deus, mas também ouvimos a resposta do Senhor.
Quem conhece a Jesus reconhece a voz de Deus!

6- Render-se ao Senhor:

v.6 “Os discípulos, ouvindo isso, caíram com o rosto em terra, e ficaram grandemente atemorizados”.
Os discípulos caíram no chão diante da glória e da voz do Senhor. Não foi somente o susto ou fraqueza que os derrubou. Este foi um ato de reconhecimento e rendição ao poder de Deus. Ninguém consegue ficar em pé diante do poder de Deus.
Quando aceitamos a Jesus como Senhor, nos rendemos ao seu Senhorio “para que ao nome de Jesus se dobre todo joelho nos céus, na terra e debaixo da terra, e toda língua confesse que Jesus Cristo é o Senhor” (Filipenses 2.10,11). Quem conhece a Jesus também reconhece o seu poder infinito (Mateus 28.18).
Conhecer a Jesus é render-se ao seu poder!

7- Ser tocado por Jesus:

v. 7 “Chegou-se, pois, Jesus e, tocando-os, disse: Levantai-vos e não temais”.
Jesus tocou nos discípulos para despertá-los. Este toque foi ao mesmo tempo um ato de chamado de atenção e também um fortalecimento. Jesus os mandou levantar-se e disse que não precisavam ter medo.
Quando conhecemos a Jesus verdadeiramente somos tocados por seu poder e erguidos para exercer um ministério em sua obra (Mateus 28.20), além de não ter medo porque recebemos sua autoridade e estamos seguros em sua presença (Lucas 10.19).
Jesus quer te tocar, te erguer e te dar segurança!

Conheça a Jesus Transfigurado!

-CONCLUSÃO

v.8 “E, erguendo eles os olhos, não viram a ninguém senão a Jesus somente”.
Depois que tudo passou não viram ninguém além de Jesus e queriam olhar para Ele o tempo todo. A vida dos discípulos nunca mais foi a mesma depois daquele momento. Embora só tenham relatado este fato após a ressurreição de Jesus (Mateus 17.9), não conseguiam esquecer o que viram. Em suas mentes se lembravam de Jesus em sua glória e isso era a maior prova de seu poder e Divindade. 
O mundo tem uma visão distorcida de Jesus, por isso não o conhecem. Mas Jesus quer mostrar a sua Glória para nós em oração, através de sua Palavra, nos dando prazer em sua presença, nos envolvendo com seu poder, falando ao nosso coração ao ponto de nos rendermos totalmente ao Senhor que nos toca, nos ergue e retira todo o medo.
A religiosidade ofusca a nossa visão de Deus. O mundanismo faz com que a pessoa fique cega para não perceber a presença de Jesus em sua vida. Mas quando conhecemos a Jesus, tudo é transformado e conseguimos ver pela fé a sua glória.
Jesus quer se revelar para você!

______________________________
Citações Bíblicas: Bíblia Revista e Atualizada, Sociedade Bíblica do Brasil.
1 STONG, James. Dicionário Hebraico do Antigo Testamento. Bíblia de Estudo Palavras-Chave: Hebraico. Grego. Tradução de João Ferreira de Almeida. Edição Revista e Corrigida. Rio de Janeiro: CPAD, 2011. Página 1700, verbete 3519.

Pr. Welfany Nolasco Rodrigues Publicado por Pr. Welfany Nolasco Rodrigues

Pastor Metodista e pregador do evangelho. Escritor de esboços e sermões.
Formação: Bacharel em Teologia pela UMESP - Universidade Metodista de São Paulo.
Pós Graduação em Filosofia pela ISEIB - Instituto Superior de Educação Ibituruna.
Licenciatura em Letras pela ISEED - Instituto Educacional Elvira Dayrell.
Extensão em Grego Bíblico pela MACKENZIE - CPAJ.
Siga Google+.

3 comentários:

  1. Bom dia meu irmão dou graças a Deus por ter encontrado este blog tenho aprendendo muito com seus estudo ...são excelente para um bom ensino da palavra de Deus...

    ResponderExcluir
  2. ceussmaley@hotmail.com29 de setembro de 2015 09:27

    A paz do Senhor Jesus esteja contigo! É muito bom esse ensinamento bom seria se todas as igrejas passasse algum ensinamento. Estamos carente de Jesus e muitas vezes não sabemos como chegarmos até ele. Outrora como agradar. Que Deus abençoe!

    ResponderExcluir
  3. Juarez Mario de Sousa Leite é muito bom contar com vocês, pois nem sempre temos uma mensagem na mente,mas ao olhar-mos em suas fontes de ensino fica bem mais fácil montar uma mensagem obrigado que Dues os abençoe sempre.

    ResponderExcluir

Deixe um comentário sobre o que achou desta pregação.
IDENTIFIQUE-SE por favor., colocando seu nome no comentário.
Muito obrigado por participar!

Quem sou eu

Minha foto

Tenho prazer em meditar na Palavra de Deus.
Escrevo textos e reflexões sobre as Escrituras.
Direitos autorais protegidos:
Protected by Copyscape Online Plagiarism Detector

Seguidores

Pregações por email

Livro

Livro
E-books do Pr. Welfany Nolasco
Powered by Blogger.